Oficinas educativas agitam primeira semana da Feira Massa no Poço da Draga


Oficinas educativas agitam primeira semana da Feira Massa no Poço da Draga

A 2ª edição do evento está acontecendo na comunidade do Poço da Draga, na Praia de Iracema, e segue até o dia 13 de dezembro

Por Juliana Teófilo em Cotidiano

5 de dezembro de 2015 às 06:00

Há 4 anos
Além da oficina de grafite, uma oficina de gastronomia, outra de fotografia e outra de costura agitaram o dia-a-dia da comunidade. (FOTO: Juliana Teófilo/Tribuna do Ceará)

Além da oficina de grafite, uma oficina de gastronomia, outra de fotografia e outra de costura agitaram o dia a dia da comunidade. (FOTO: Juliana Teófilo/Tribuna do Ceará)

Longe do sol escaldante característico das tardes de Fortaleza, um grupo de jovens se reúne em um coreto próximo à beira da praia. Os dez jovens escutam atentamente o que Douglas Vasconcelos, conhecido como Doug, tem a dizer sobre grafite. “Hoje o grafite é visto com outros olhos. Ganhamos dimensão a nível mundial e os grandes artistas dessa arte encontram-se em museus e as grandes obras de grafite são tratadas, de fato, como arte. Não como arte criminalizada, ou marginalizada, mas com o seu próprio estilo e valor”, explica.

Enquanto os alunos se dedicam aos desenhos no papel, Doug explica que essa é apenas uma das oficinas que estão acontecendo na comunidade do Poço da Draga esta semana, parte da programação da 2ª Feira Massa. “A participação da comunidade está bacana e a juventude do Poço tem se espalhado pelas diversas ações que estão acontecendo na comunidade. Na oficina de grafite tivemos as 10 vagas preenchidas, tivemos até gente a mais”, destaca com alegria.

Além da oficina de grafite, uma oficina de gastronomia, outra de fotografia e outra de costura agitaram o dia a dia da comunidade. Os temas dos workshops englobaram as áreas do empreendedorismo, da educação ambiental, da cultura e da arte, com especificações que atendem às necessidades da comunidade.

Acompanhando a programação de oficinas, aulas de zumba, capoeira, muay thai, malabares, além de torneios esportivos integraram moradores de todas as idades. Na programação paralela, o projeto leva ainda apresentações artísticas, humorísticas, festas temáticas e atrações musicais

Um recomeço

A oficina de gastronomia recebeu 12 empreendedoras da comunidade para noções de boas práticas e manipulação de alimentos. (FOTO: Juliana Teófilo/Tribuna do Ceará)

A oficina de gastronomia recebeu 12 empreendedoras da comunidade do Poço da Draga. (FOTO: Juliana Teófilo/Tribuna do Ceará)

Mara Vasconcelos mostra com orgulho a apostila que ganhou ao participar, por dois dias, da oficina de gastronomia. No módulo, Mara e outras 11 mulheres, que já possuem experiência com a preparação e venda de comida na comunidade do Poço, puderam ter contato com normas e referências na manipulação de alimentos.

“No primeiro dia falamos sobre boas práticas e manipulação de alimentos, que tem todo um material regulamentado pela Vigilância Sanitária. E, para quem trabalha em casa, onde as exigências são um pouco menores, essa aula trouxe noções muito importantes sobre a responsabilidade que é mexer com comida. No segundo dia de aula nós fomos além e passamos para o terceiro passo. Falamos sobre a venda, de como agregar valor ao serviço, de como precificar esse alimento produzido, de como aumentar a lucratividade de tudo que está sendo feito”, explica uma das facilitadoras da oficina, Luana Caiube, proprietária da casa noturna e restaurante Mambembe. 

Para Mara, que já possui o próprio negócio em casa, essa é a oportunidade que faltava para alcançar uma melhor organização financeira. “Meu objetivo é colocar minha barraquinha na Feira Massa, e quando eu soube do curso achei ótimo, porque mesmo com o tempo que eu tenho de negócio, ainda não sei administrar meu dinheiro. Nunca tive acesso a um curso que me ensinasse a administrar meu negócio e encontrei aqui no Poço”.

Agora, a paixão pela comida que, segundo a cozinheira, vem de berço tem tudo para se tornar um grande negócio, e a empreendedora se diz animada com as possibilidades que a formação oferece. “Minha avó já vivia no Poço quando o cais ainda era na ponte. Ela tinha a própria barraquinha de comida lá, e viveu muitos anos desse negócio. Aqui nasci e me criei. Depois casei e tive meus netos, são quase 100 anos de história”, conta. “Agora sim vou aprender e tocar meu negócio como deve ser, estou animada”, completa.

Acompanhe a cobertura da 2ª Feira Massa:

3 de dezembro de 2015 – Comunidade do Poço da Draga recebe a 2ª edição da Feira Massa

4 de dezembro de 2015 – Sábado com programação cultural gratuita promete agitar a Praia de Iracema

Feira Massa Oficinas
1/8

Feira Massa Oficinas

A Feira Massa se sustenta nos pilares cultura, gastronomia e esporte, e segue até o próximo dia 13 na comunidade do Poço da Draga, na Praia de Iracema. (FOTO: Juliana Teófilo/Tribuna do Ceará)

Feira Massa Oficinas
2/8

Feira Massa Oficinas

A Feira Massa se sustenta nos pilares cultura, gastronomia e esporte, e segue até o próximo dia 13 na comunidade do Poço da Draga, na Praia de Iracema. (FOTO: Juliana Teófilo/Tribuna do Ceará)

Feira Massa Oficinas
3/8

Feira Massa Oficinas

A Feira Massa se sustenta nos pilares cultura, gastronomia e esporte, e segue até o próximo dia 13 na comunidade do Poço da Draga, na Praia de Iracema. (FOTO: Juliana Teófilo/Tribuna do Ceará)

Feira Massa Oficinas
4/8

Feira Massa Oficinas

A Feira Massa se sustenta nos pilares cultura, gastronomia e esporte, e segue até o próximo dia 13 na comunidade do Poço da Draga, na Praia de Iracema. (FOTO: Juliana Teófilo/Tribuna do Ceará)

Feira Massa Oficinas
5/8

Feira Massa Oficinas

A Feira Massa se sustenta nos pilares cultura, gastronomia e esporte, e segue até o próximo dia 13 na comunidade do Poço da Draga, na Praia de Iracema. (FOTO: Juliana Teófilo/Tribuna do Ceará)

Feira Massa Oficinas
6/8

Feira Massa Oficinas

A Feira Massa se sustenta nos pilares cultura, gastronomia e esporte, e segue até o próximo dia 13 na comunidade do Poço da Draga, na Praia de Iracema. (FOTO: Juliana Teófilo/Tribuna do Ceará)

Feira Massa Oficinas
7/8

Feira Massa Oficinas

A Feira Massa se sustenta nos pilares cultura, gastronomia e esporte, e segue até o próximo dia 13 na comunidade do Poço da Draga, na Praia de Iracema. (FOTO: Juliana Teófilo/Tribuna do Ceará)

Feira Massa Oficinas
8/8

Feira Massa Oficinas

A Feira Massa se sustenta nos pilares cultura, gastronomia e esporte, e segue até o próximo dia 13 na comunidade do Poço da Draga, na Praia de Iracema. (FOTO: Juliana Teófilo/Tribuna do Ceará)

Publicidade

Dê sua opinião

Oficinas educativas agitam primeira semana da Feira Massa no Poço da Draga

A 2ª edição do evento está acontecendo na comunidade do Poço da Draga, na Praia de Iracema, e segue até o dia 13 de dezembro

Por Juliana Teófilo em Cotidiano

5 de dezembro de 2015 às 06:00

Há 4 anos
Além da oficina de grafite, uma oficina de gastronomia, outra de fotografia e outra de costura agitaram o dia-a-dia da comunidade. (FOTO: Juliana Teófilo/Tribuna do Ceará)

Além da oficina de grafite, uma oficina de gastronomia, outra de fotografia e outra de costura agitaram o dia a dia da comunidade. (FOTO: Juliana Teófilo/Tribuna do Ceará)

Longe do sol escaldante característico das tardes de Fortaleza, um grupo de jovens se reúne em um coreto próximo à beira da praia. Os dez jovens escutam atentamente o que Douglas Vasconcelos, conhecido como Doug, tem a dizer sobre grafite. “Hoje o grafite é visto com outros olhos. Ganhamos dimensão a nível mundial e os grandes artistas dessa arte encontram-se em museus e as grandes obras de grafite são tratadas, de fato, como arte. Não como arte criminalizada, ou marginalizada, mas com o seu próprio estilo e valor”, explica.

Enquanto os alunos se dedicam aos desenhos no papel, Doug explica que essa é apenas uma das oficinas que estão acontecendo na comunidade do Poço da Draga esta semana, parte da programação da 2ª Feira Massa. “A participação da comunidade está bacana e a juventude do Poço tem se espalhado pelas diversas ações que estão acontecendo na comunidade. Na oficina de grafite tivemos as 10 vagas preenchidas, tivemos até gente a mais”, destaca com alegria.

Além da oficina de grafite, uma oficina de gastronomia, outra de fotografia e outra de costura agitaram o dia a dia da comunidade. Os temas dos workshops englobaram as áreas do empreendedorismo, da educação ambiental, da cultura e da arte, com especificações que atendem às necessidades da comunidade.

Acompanhando a programação de oficinas, aulas de zumba, capoeira, muay thai, malabares, além de torneios esportivos integraram moradores de todas as idades. Na programação paralela, o projeto leva ainda apresentações artísticas, humorísticas, festas temáticas e atrações musicais

Um recomeço

A oficina de gastronomia recebeu 12 empreendedoras da comunidade para noções de boas práticas e manipulação de alimentos. (FOTO: Juliana Teófilo/Tribuna do Ceará)

A oficina de gastronomia recebeu 12 empreendedoras da comunidade do Poço da Draga. (FOTO: Juliana Teófilo/Tribuna do Ceará)

Mara Vasconcelos mostra com orgulho a apostila que ganhou ao participar, por dois dias, da oficina de gastronomia. No módulo, Mara e outras 11 mulheres, que já possuem experiência com a preparação e venda de comida na comunidade do Poço, puderam ter contato com normas e referências na manipulação de alimentos.

“No primeiro dia falamos sobre boas práticas e manipulação de alimentos, que tem todo um material regulamentado pela Vigilância Sanitária. E, para quem trabalha em casa, onde as exigências são um pouco menores, essa aula trouxe noções muito importantes sobre a responsabilidade que é mexer com comida. No segundo dia de aula nós fomos além e passamos para o terceiro passo. Falamos sobre a venda, de como agregar valor ao serviço, de como precificar esse alimento produzido, de como aumentar a lucratividade de tudo que está sendo feito”, explica uma das facilitadoras da oficina, Luana Caiube, proprietária da casa noturna e restaurante Mambembe. 

Para Mara, que já possui o próprio negócio em casa, essa é a oportunidade que faltava para alcançar uma melhor organização financeira. “Meu objetivo é colocar minha barraquinha na Feira Massa, e quando eu soube do curso achei ótimo, porque mesmo com o tempo que eu tenho de negócio, ainda não sei administrar meu dinheiro. Nunca tive acesso a um curso que me ensinasse a administrar meu negócio e encontrei aqui no Poço”.

Agora, a paixão pela comida que, segundo a cozinheira, vem de berço tem tudo para se tornar um grande negócio, e a empreendedora se diz animada com as possibilidades que a formação oferece. “Minha avó já vivia no Poço quando o cais ainda era na ponte. Ela tinha a própria barraquinha de comida lá, e viveu muitos anos desse negócio. Aqui nasci e me criei. Depois casei e tive meus netos, são quase 100 anos de história”, conta. “Agora sim vou aprender e tocar meu negócio como deve ser, estou animada”, completa.

Acompanhe a cobertura da 2ª Feira Massa:

3 de dezembro de 2015 – Comunidade do Poço da Draga recebe a 2ª edição da Feira Massa

4 de dezembro de 2015 – Sábado com programação cultural gratuita promete agitar a Praia de Iracema

Feira Massa Oficinas
1/8

Feira Massa Oficinas

A Feira Massa se sustenta nos pilares cultura, gastronomia e esporte, e segue até o próximo dia 13 na comunidade do Poço da Draga, na Praia de Iracema. (FOTO: Juliana Teófilo/Tribuna do Ceará)

Feira Massa Oficinas
2/8

Feira Massa Oficinas

A Feira Massa se sustenta nos pilares cultura, gastronomia e esporte, e segue até o próximo dia 13 na comunidade do Poço da Draga, na Praia de Iracema. (FOTO: Juliana Teófilo/Tribuna do Ceará)

Feira Massa Oficinas
3/8

Feira Massa Oficinas

A Feira Massa se sustenta nos pilares cultura, gastronomia e esporte, e segue até o próximo dia 13 na comunidade do Poço da Draga, na Praia de Iracema. (FOTO: Juliana Teófilo/Tribuna do Ceará)

Feira Massa Oficinas
4/8

Feira Massa Oficinas

A Feira Massa se sustenta nos pilares cultura, gastronomia e esporte, e segue até o próximo dia 13 na comunidade do Poço da Draga, na Praia de Iracema. (FOTO: Juliana Teófilo/Tribuna do Ceará)

Feira Massa Oficinas
5/8

Feira Massa Oficinas

A Feira Massa se sustenta nos pilares cultura, gastronomia e esporte, e segue até o próximo dia 13 na comunidade do Poço da Draga, na Praia de Iracema. (FOTO: Juliana Teófilo/Tribuna do Ceará)

Feira Massa Oficinas
6/8

Feira Massa Oficinas

A Feira Massa se sustenta nos pilares cultura, gastronomia e esporte, e segue até o próximo dia 13 na comunidade do Poço da Draga, na Praia de Iracema. (FOTO: Juliana Teófilo/Tribuna do Ceará)

Feira Massa Oficinas
7/8

Feira Massa Oficinas

A Feira Massa se sustenta nos pilares cultura, gastronomia e esporte, e segue até o próximo dia 13 na comunidade do Poço da Draga, na Praia de Iracema. (FOTO: Juliana Teófilo/Tribuna do Ceará)

Feira Massa Oficinas
8/8

Feira Massa Oficinas

A Feira Massa se sustenta nos pilares cultura, gastronomia e esporte, e segue até o próximo dia 13 na comunidade do Poço da Draga, na Praia de Iracema. (FOTO: Juliana Teófilo/Tribuna do Ceará)