Para conseguir atendimento no TRE, eleitores compram senhas nas filas

CADASTRAMENTO BIOMÉTRICO

Para conseguir atendimento nos postos do TRE, eleitores compram senhas nas filas

As denúncias sobre o caso foram registradas no posto do Parque das Crianças, no Centro de Fortaleza. Segundo o TRE, providências serão tomadas

Por Tribuna Bandnews FM em Cotidiano

20 de novembro de 2019 às 15:27

Há 3 semanas
As denúncias foram registradas no posto de atendimento do Parque das Crianças, no Centro de Fortaleza (FOTO: Reprodução/TRE)

As denúncias foram registradas no posto de atendimento do Parque das Crianças, no Centro de Fortaleza (FOTO: Reprodução/TRE)

Com o prazo do cadastro da biometria próximo do fim, os postos do Tribunal Regional Eleitoral do Ceará seguem lotados. Alguns eleitores madrugam para conseguir atendimento. No entanto, é possível encontrar pessoas nas filas vendendo as senhas distribuídas nas unidades. Mais de 400 mil pessoas ainda não realizaram cadastro.

De acordo com a coordenadora de administração do cadastro eleitoral do TRE-Cerá, Lorena Belo, a prática era esperada devido à grande demanda da população. No entanto, medidas devem ser tomadas para evitar essa comercialização.

“Estamos solicitando reforço à Polícia Militar, que tem colaborado com o nosso trabalho. Vamos adotar algumas providências agora na distribuição de senhas, como a entrega para aquele cidadão que compareça apresentando algum documento de identidade e título de eleitor”, explicou. Lorena ressalta ainda que, se existe quem venda as senhas, é porque automaticamente existe quem as compre.

As denúncias sobre o caso foram registradas no posto do Parque das Crianças, no Centro de Fortaleza. Segundo a coordenadora, as pessoas em situação de rua são as responsáveis pela venda ilegal das fichas. A equipe Tribuna BandNews FM também recebeu as denúncias e foi até a unidade para conferir a situação.

Por volta das 10h desta quarta-feira (20), não havia mais fila. Isso porque as fichas já tinham sido distribuídas. No entanto, não foi difícil encontrar quem vendesse as senhas. “Daqui para acolá, as pessoas estão pedindo R$ 80. Daqui para trás, tem quem venda por R$ 50”, disse uma pessoa suspeita de vender as senhas.

Diante dos casos, o TRE orienta a população a denunciar para a administração dos postos e também para a Polícia. Os atendimentos para o cadastramento biométrico seguem até o dia 29 de novembro no Mutirão que acontece no Centro de Eventos.

Confira a matéria de Daniel Rocha, da Tribuna BandNews FM:

Publicidade

Dê sua opinião

CADASTRAMENTO BIOMÉTRICO

Para conseguir atendimento nos postos do TRE, eleitores compram senhas nas filas

As denúncias sobre o caso foram registradas no posto do Parque das Crianças, no Centro de Fortaleza. Segundo o TRE, providências serão tomadas

Por Tribuna Bandnews FM em Cotidiano

20 de novembro de 2019 às 15:27

Há 3 semanas
As denúncias foram registradas no posto de atendimento do Parque das Crianças, no Centro de Fortaleza (FOTO: Reprodução/TRE)

As denúncias foram registradas no posto de atendimento do Parque das Crianças, no Centro de Fortaleza (FOTO: Reprodução/TRE)

Com o prazo do cadastro da biometria próximo do fim, os postos do Tribunal Regional Eleitoral do Ceará seguem lotados. Alguns eleitores madrugam para conseguir atendimento. No entanto, é possível encontrar pessoas nas filas vendendo as senhas distribuídas nas unidades. Mais de 400 mil pessoas ainda não realizaram cadastro.

De acordo com a coordenadora de administração do cadastro eleitoral do TRE-Cerá, Lorena Belo, a prática era esperada devido à grande demanda da população. No entanto, medidas devem ser tomadas para evitar essa comercialização.

“Estamos solicitando reforço à Polícia Militar, que tem colaborado com o nosso trabalho. Vamos adotar algumas providências agora na distribuição de senhas, como a entrega para aquele cidadão que compareça apresentando algum documento de identidade e título de eleitor”, explicou. Lorena ressalta ainda que, se existe quem venda as senhas, é porque automaticamente existe quem as compre.

As denúncias sobre o caso foram registradas no posto do Parque das Crianças, no Centro de Fortaleza. Segundo a coordenadora, as pessoas em situação de rua são as responsáveis pela venda ilegal das fichas. A equipe Tribuna BandNews FM também recebeu as denúncias e foi até a unidade para conferir a situação.

Por volta das 10h desta quarta-feira (20), não havia mais fila. Isso porque as fichas já tinham sido distribuídas. No entanto, não foi difícil encontrar quem vendesse as senhas. “Daqui para acolá, as pessoas estão pedindo R$ 80. Daqui para trás, tem quem venda por R$ 50”, disse uma pessoa suspeita de vender as senhas.

Diante dos casos, o TRE orienta a população a denunciar para a administração dos postos e também para a Polícia. Os atendimentos para o cadastramento biométrico seguem até o dia 29 de novembro no Mutirão que acontece no Centro de Eventos.

Confira a matéria de Daniel Rocha, da Tribuna BandNews FM: