TJCE pretende digitalizar todos os processos e dar celeridade às tramitações

METAS

TJCE pretende digitalizar todos os processos e dar celeridade às tramitações

Com a medida, o tempo do trâmite dos processos judiciais será bem menor além de redução de custos com papel e deslocamentos dos juízes

Por Tribuna Bandnews FM em Cotidiano

12 de fevereiro de 2020 às 11:55

Há 2 semanas
(FOTO: Divulgação)

Segundo o desembargador Washington Luís, a medida não deve gerar gastos a mais para o orçamento do Poder Judiciário (FOTO: Divulgação)

A partir de abril deste ano, todo o acervo do Tribunal de Justiça do Ceará será digitalizado. Essa é uma das metas do Poder Judiciário para este ano. Com a medida, o tempo do trâmite dos processos judiciais será bem menor além de redução de custos com papel e deslocamentos dos juízes.

O anúncio foi dado pelo presidente do Tribunal de Justiça, o desembargador Washington Luís, durante entrevista à Tribuna BandNews FM na tarde de terça-feira (11). De acordo com o magistrado, a medida não deve gerar nenhum gasto a mais para o orçamento do Poder Judiciário.

“Todos os processos serão eletrônicos, digitais, e isso traz um ganho muito grande, porque elimina distância. Nós podemos atuar remotamente em qualquer comarca do Ceará. Só por ser eletrônico, é 30% mais rápido, porque ele não para numa mesa, por exemplo”.

Com a digitalização, os processos, quando despachados, serão encaminhados imediatamente para os juízes responsáveis pelo julgamento. Conforme o presidente, essa é a segunda vez que o Poder Judiciário antecipa o prazo. Antes, a previsão era para o mês de dezembro deste ano. Logo depois, passou para o mês de agosto.

Publicidade

Dê sua opinião

METAS

TJCE pretende digitalizar todos os processos e dar celeridade às tramitações

Com a medida, o tempo do trâmite dos processos judiciais será bem menor além de redução de custos com papel e deslocamentos dos juízes

Por Tribuna Bandnews FM em Cotidiano

12 de fevereiro de 2020 às 11:55

Há 2 semanas
(FOTO: Divulgação)

Segundo o desembargador Washington Luís, a medida não deve gerar gastos a mais para o orçamento do Poder Judiciário (FOTO: Divulgação)

A partir de abril deste ano, todo o acervo do Tribunal de Justiça do Ceará será digitalizado. Essa é uma das metas do Poder Judiciário para este ano. Com a medida, o tempo do trâmite dos processos judiciais será bem menor além de redução de custos com papel e deslocamentos dos juízes.

O anúncio foi dado pelo presidente do Tribunal de Justiça, o desembargador Washington Luís, durante entrevista à Tribuna BandNews FM na tarde de terça-feira (11). De acordo com o magistrado, a medida não deve gerar nenhum gasto a mais para o orçamento do Poder Judiciário.

“Todos os processos serão eletrônicos, digitais, e isso traz um ganho muito grande, porque elimina distância. Nós podemos atuar remotamente em qualquer comarca do Ceará. Só por ser eletrônico, é 30% mais rápido, porque ele não para numa mesa, por exemplo”.

Com a digitalização, os processos, quando despachados, serão encaminhados imediatamente para os juízes responsáveis pelo julgamento. Conforme o presidente, essa é a segunda vez que o Poder Judiciário antecipa o prazo. Antes, a previsão era para o mês de dezembro deste ano. Logo depois, passou para o mês de agosto.