AMC intensifica fiscalização durante os finais de semana


AMC intensifica fiscalização durante os finais de semana

Neste sábado (24) e domingo (25), a partir de 6h, cerca de 80 agentes participarão da ação

Por Tribuna do Ceará em Fortaleza

23 de agosto de 2013 às 19:00

Há 7 anos

Para coibir a prática de estacionar em locais proibidos, a Autarquia Municipal de Trânsito, Serviços Públicos e de Cidadania (AMC) está intensificando a fiscalização em pontos movimentados da cidade durante os finais de semana. Neste sábado (24) e domingo (25), a partir de 6h, cerca de 80 agentes participaram da ação.

Segundo a AMC, a abordagem será realizada na Praia do Futuro, na Feira da Parangaba, na área central, incluindo o entorno da Catedral Metropolitana de Fortaleza, onde funciona comércio ambulante, nos bairros Antônio Bezerra e Messejana. O condutor que estiver estacionado em local proibido estará sujeito à autuação e multa, que varia de R$ 53,20 a R$ 127,69.

Segundo o presidente do órgão, Vítor Ciasca, o principal objetivo da operação é criar a cultura nos condutores do respeito às regras básicas da convivência urbana e à legislação do trânsito, além de garantir a fluidez do tráfego. “Os motoristas devem ter consciência de que agindo de forma errada está prejudicando os outros. Quando se estaciona em cima do passeio ou em local inadequado, por exemplo, acaba atrapalhando a passagem dos outros carros, congestiona o trânsito e ainda dificulta a travessia dos pedestres”, explica.

Os locais proibidos para estacionar são previstos no artigo 181 do Código de Trânsito Brasileiro (CTB): calçadas, a menos de cinco metros da esquina, ponto de ônibus, canteiros centrais, vagas especiais para idosos e deficientes, ciclovia, gramado ou jardim público, acostamentos, ilhas ou refúgios, dentre outros.

Blitz volante

Paralelo a essa ação, a operação “Estacionamento Proibido”, desenvolvida, em conjunto, há três meses, pela AMC, Polícia Rodoviária Estadual (PRE) e Departamento Estadual de Trânsito (Detran), permanece sendo realizada de forma contínua nos dias úteis. Até o momento, 2.242 veículos foram rebocados e mais de nove mil autuados. Desse total, foram resgatados 1.929 pelos proprietários.

Publicidade

Dê sua opinião

AMC intensifica fiscalização durante os finais de semana

Neste sábado (24) e domingo (25), a partir de 6h, cerca de 80 agentes participarão da ação

Por Tribuna do Ceará em Fortaleza

23 de agosto de 2013 às 19:00

Há 7 anos

Para coibir a prática de estacionar em locais proibidos, a Autarquia Municipal de Trânsito, Serviços Públicos e de Cidadania (AMC) está intensificando a fiscalização em pontos movimentados da cidade durante os finais de semana. Neste sábado (24) e domingo (25), a partir de 6h, cerca de 80 agentes participaram da ação.

Segundo a AMC, a abordagem será realizada na Praia do Futuro, na Feira da Parangaba, na área central, incluindo o entorno da Catedral Metropolitana de Fortaleza, onde funciona comércio ambulante, nos bairros Antônio Bezerra e Messejana. O condutor que estiver estacionado em local proibido estará sujeito à autuação e multa, que varia de R$ 53,20 a R$ 127,69.

Segundo o presidente do órgão, Vítor Ciasca, o principal objetivo da operação é criar a cultura nos condutores do respeito às regras básicas da convivência urbana e à legislação do trânsito, além de garantir a fluidez do tráfego. “Os motoristas devem ter consciência de que agindo de forma errada está prejudicando os outros. Quando se estaciona em cima do passeio ou em local inadequado, por exemplo, acaba atrapalhando a passagem dos outros carros, congestiona o trânsito e ainda dificulta a travessia dos pedestres”, explica.

Os locais proibidos para estacionar são previstos no artigo 181 do Código de Trânsito Brasileiro (CTB): calçadas, a menos de cinco metros da esquina, ponto de ônibus, canteiros centrais, vagas especiais para idosos e deficientes, ciclovia, gramado ou jardim público, acostamentos, ilhas ou refúgios, dentre outros.

Blitz volante

Paralelo a essa ação, a operação “Estacionamento Proibido”, desenvolvida, em conjunto, há três meses, pela AMC, Polícia Rodoviária Estadual (PRE) e Departamento Estadual de Trânsito (Detran), permanece sendo realizada de forma contínua nos dias úteis. Até o momento, 2.242 veículos foram rebocados e mais de nove mil autuados. Desse total, foram resgatados 1.929 pelos proprietários.