Sinal de Wi-Fi está fora do ar em diferentes linhas de ônibus de Fortaleza

TESTAMOS

Sinal de Wi-Fi está fora do ar em diferentes linhas de ônibus de Fortaleza

Alertado por reclamação de leitor, o Tribuna do Ceará constatou: usuários de diferentes linhas de ônibus têm dificuldade para utilizar o serviço de internet gratuito disponibilizado pelo transporte público de Fortaleza

Por Tribuna do Ceará em Mobilidade Urbana

28 de junho de 2019 às 07:00

Há 11 meses

Usuários encontram problemas ao se conectar à rede Wi-Fi nos ônibus de Fortaleza (FOTO: Divulgação)

Todos os 1.680 ônibus da frota de transporte público de Fortaleza oferecem conexão Wi-Fi gratuita nos veículos. No entanto, nem todos os passageiros estão satisfeitos com a qualidade do serviço.

O leitor Robson Oliveira é um deles. Em e-mail enviado ao Tribuna do Ceará, ele conta que não tem conseguido se conectar à rede de internet sem fio nos ônibus da cidade.

“O Wi-Fi não está prestando. A pessoa se cadastra, depois tenta entrar e (o sistema) fala que a senha está incorreta. Quando a pessoa tenta redefinir senha, dá erro”, explica na mensagem.

Ele relata ter entrado em contato com a Empresa de Transporte Urbano de Fortaleza (Etufor) por duas vezes. A resposta recebida, segundo Robson, foi a de que o sistema estaria em manutenção.

Testamos

O Tribuna do Ceará testou o serviço nesta terça (25) e quarta-feira (26). Em cinco tentativas de conexão em diferentes veículos, só conseguimos acesso em uma delas. Ainda assim, a velocidade baixa não permitiu a visita a sites – somente o acesso a mensagens via Whatsapp funcionou. Confira abaixo.

  • 12h17, linha 222 – Ant. Bezerra / Papicu / Antônio Sales

Mesmo com os dados cadastrados, ao preencher os campos da página de login, o sistema exibia a seguinte mensagem: “Houve um erro ao processar sua requisição, verifique os dados e tente novamente”. A situação foi a mesma relatada por Robson.

Página de login informava erro ao processar requisição (IMAGEM: Captura de tela)

  • 12h25, linha 031 – Borges de Melo I

Ao tentar se conectar à rede, a notificação do aparelho celular imediatamente informava: “Esta rede não tem acesso à internet”.

“Conectada, sem internet”, notificava o sistema (IMAGEM: Captura de tela)

  • 12h49, linha 222 – Ant. Bezerra / Papicu / Antônio Sales

Numa tentativa com outro veículo da primeira linha experimentada, o problema se repetiu.

A mesma dificuldade se repetiu em outro veículo da linha 222 (IMAGEM: Captura de tela)

Nesta quarta-feira (27), o Tribuna do Ceará verificou o problema, no início da tarde, na linha 004 – Messejana/Cambeba-LJ/Papicu.

Só conseguimos acesso ao Wi-Fi na linha 075 – Campus do Pici/Unifor, também na tarde desta quarta. Porém, a conexão apresentava baixa velocidade, e só foi possível acessar mensagens de Whatsapp.

Reclame aqui

Robson Oliveira, que alertou ao Tribuna do Ceará sobre o problema, diz que recorreu ao Reclame Aqui, plataforma online utilizada para que consumidores publiquem suas insatisfações com empresas e serviços.

“Abri duas ocorrências no Reclame Aqui e não foram respondidas. O detalhe é que lá existem várias reclamações de várias coisas e as únicas que não são respondidas (pela Etufor) são as que falam do Wi-Fi”, observa.

Na ferramenta, é possível ver que a Etufor é mencionada em 231 reclamações. Destes comentários, 71 ainda não foram respondidos pela empresa. Dentre eles, estão a primeira e a segunda reclamações de Robson.

Segundo informações apresentadas na página, o prazo estimado para a resposta ao consumidor é de até oito dias. A primeira denúncia de Robson foi feita há mais de um mês e segue sem ser respondida.

Robson publicou uma reclamação em maio de 2019, mas ainda não obteve resposta (IMAGEM: Reprodução / Via Reclame Aqui)

Atualização do sistema

Procurada pelo Tribuna do Ceará, a Etufor respondeu que os retornos seriam encaminhados pelo Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Estado do Ceará (Sindiônibus).

Paulo César Vieira, superintendente do Vale-Transporte do Sindiônibus, informou que desde a semana passada está sendo feita uma atualização no software dos roteadores embarcados nos veículos.

O Sindionibus salienta que, caso passageiros verifiquem problema de conexão, podem relatá-lo ao Alô Sindiônibus (fone 4005.0956). “Assim, temos como enviar equipes para checar a situação”, destaca Paulo César.

O superintendente reforça que a conexão de internet oferecida nos ônibus deve ter velocidade suficiente para visita a sites informativos e uso de aplicativos de mensagem, porém não para download e upload de arquivos e visualização de vídeos. “Aí, não seria o propósito do serviço que oferecemos para a população”.

Reclamações direcionadas

Em outro comunicado, a Etufor respondeu que administra as reclamações feitas on-line e direciona aos setores responsáveis com o prazo de 30 dias para retorno.

Serviço:

Para relatar problemas no Wi-Fi dos ônibus, anote a linha, o número do veículo e o horário e relate ao Alô Sindionibus (4005.0956).

Publicidade

Dê sua opinião

TESTAMOS

Sinal de Wi-Fi está fora do ar em diferentes linhas de ônibus de Fortaleza

Alertado por reclamação de leitor, o Tribuna do Ceará constatou: usuários de diferentes linhas de ônibus têm dificuldade para utilizar o serviço de internet gratuito disponibilizado pelo transporte público de Fortaleza

Por Tribuna do Ceará em Mobilidade Urbana

28 de junho de 2019 às 07:00

Há 11 meses

Usuários encontram problemas ao se conectar à rede Wi-Fi nos ônibus de Fortaleza (FOTO: Divulgação)

Todos os 1.680 ônibus da frota de transporte público de Fortaleza oferecem conexão Wi-Fi gratuita nos veículos. No entanto, nem todos os passageiros estão satisfeitos com a qualidade do serviço.

O leitor Robson Oliveira é um deles. Em e-mail enviado ao Tribuna do Ceará, ele conta que não tem conseguido se conectar à rede de internet sem fio nos ônibus da cidade.

“O Wi-Fi não está prestando. A pessoa se cadastra, depois tenta entrar e (o sistema) fala que a senha está incorreta. Quando a pessoa tenta redefinir senha, dá erro”, explica na mensagem.

Ele relata ter entrado em contato com a Empresa de Transporte Urbano de Fortaleza (Etufor) por duas vezes. A resposta recebida, segundo Robson, foi a de que o sistema estaria em manutenção.

Testamos

O Tribuna do Ceará testou o serviço nesta terça (25) e quarta-feira (26). Em cinco tentativas de conexão em diferentes veículos, só conseguimos acesso em uma delas. Ainda assim, a velocidade baixa não permitiu a visita a sites – somente o acesso a mensagens via Whatsapp funcionou. Confira abaixo.

  • 12h17, linha 222 – Ant. Bezerra / Papicu / Antônio Sales

Mesmo com os dados cadastrados, ao preencher os campos da página de login, o sistema exibia a seguinte mensagem: “Houve um erro ao processar sua requisição, verifique os dados e tente novamente”. A situação foi a mesma relatada por Robson.

Página de login informava erro ao processar requisição (IMAGEM: Captura de tela)

  • 12h25, linha 031 – Borges de Melo I

Ao tentar se conectar à rede, a notificação do aparelho celular imediatamente informava: “Esta rede não tem acesso à internet”.

“Conectada, sem internet”, notificava o sistema (IMAGEM: Captura de tela)

  • 12h49, linha 222 – Ant. Bezerra / Papicu / Antônio Sales

Numa tentativa com outro veículo da primeira linha experimentada, o problema se repetiu.

A mesma dificuldade se repetiu em outro veículo da linha 222 (IMAGEM: Captura de tela)

Nesta quarta-feira (27), o Tribuna do Ceará verificou o problema, no início da tarde, na linha 004 – Messejana/Cambeba-LJ/Papicu.

Só conseguimos acesso ao Wi-Fi na linha 075 – Campus do Pici/Unifor, também na tarde desta quarta. Porém, a conexão apresentava baixa velocidade, e só foi possível acessar mensagens de Whatsapp.

Reclame aqui

Robson Oliveira, que alertou ao Tribuna do Ceará sobre o problema, diz que recorreu ao Reclame Aqui, plataforma online utilizada para que consumidores publiquem suas insatisfações com empresas e serviços.

“Abri duas ocorrências no Reclame Aqui e não foram respondidas. O detalhe é que lá existem várias reclamações de várias coisas e as únicas que não são respondidas (pela Etufor) são as que falam do Wi-Fi”, observa.

Na ferramenta, é possível ver que a Etufor é mencionada em 231 reclamações. Destes comentários, 71 ainda não foram respondidos pela empresa. Dentre eles, estão a primeira e a segunda reclamações de Robson.

Segundo informações apresentadas na página, o prazo estimado para a resposta ao consumidor é de até oito dias. A primeira denúncia de Robson foi feita há mais de um mês e segue sem ser respondida.

Robson publicou uma reclamação em maio de 2019, mas ainda não obteve resposta (IMAGEM: Reprodução / Via Reclame Aqui)

Atualização do sistema

Procurada pelo Tribuna do Ceará, a Etufor respondeu que os retornos seriam encaminhados pelo Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Estado do Ceará (Sindiônibus).

Paulo César Vieira, superintendente do Vale-Transporte do Sindiônibus, informou que desde a semana passada está sendo feita uma atualização no software dos roteadores embarcados nos veículos.

O Sindionibus salienta que, caso passageiros verifiquem problema de conexão, podem relatá-lo ao Alô Sindiônibus (fone 4005.0956). “Assim, temos como enviar equipes para checar a situação”, destaca Paulo César.

O superintendente reforça que a conexão de internet oferecida nos ônibus deve ter velocidade suficiente para visita a sites informativos e uso de aplicativos de mensagem, porém não para download e upload de arquivos e visualização de vídeos. “Aí, não seria o propósito do serviço que oferecemos para a população”.

Reclamações direcionadas

Em outro comunicado, a Etufor respondeu que administra as reclamações feitas on-line e direciona aos setores responsáveis com o prazo de 30 dias para retorno.

Serviço:

Para relatar problemas no Wi-Fi dos ônibus, anote a linha, o número do veículo e o horário e relate ao Alô Sindionibus (4005.0956).