#CearáRecicla: Empresas lançam iniciativas inovadoras na reciclagem no estado

BONS EXEMPLOS

#CearáRecicla: Empresas lançam iniciativas inovadoras na reciclagem no estado

Pneus, gesso ou brinquedos: quase tudo pode ser reciclado, e nessas três áreas empreendedores do estado descobriram um filão de mercado e ainda contribuem com um mundo mais sustentável. É o que mostra a série de reportagens “Ceará Recicla”

Por Tribuna do Ceará em Negócios

11 de maio de 2019 às 07:01

Há 5 meses

Por William Barros

Empresas cearenses de reciclagem transformam plástico em brinquedos. (FOTO: Agência Brasília)

No Ceará, têm nascido iniciativas inovadoras quando o assunto é reciclar. O Sindicato das Empresas de Reciclagem de Resíduos Sólidos Domésticos e Industriais do Estado (Sindiverde) possui o registro de 76 projetos deste tipo. Alguns deles, inclusive, atuam de forma pioneira em setores da reciclagem.

Para entender os impactos deste movimento, o Tribuna do Ceará publica neste sábado (11), em quatro links, a série de reportagens “Ceará Recicla”. Além de apresentar o trabalho desenvolvido por instituições do segmento da reciclagem, as matérias abordam o papel do Sindiverde no incentivo à adoção de medidas sustentáveis.

A organização sindical foi fundada em 1998. Dentre seus associados, há recicladoras, usinas de aterramento, incineradoras, consultoras ambientais e transformadoras.

Na indústria de reciclagem, o material descartado pode receber as mais diversas destinações. Madeira pode virar um móvel decorativo de pallet, pneus triturados podem servir para a fabricação de cimento e pedaços de plástico podem virar brinquedos. Deste universo de possibilidades, a série “Ceará Recicla” destaca duas.

Em um dos textos, você conhece o trabalho realizado pela Reciplanet. Atuando desde 2016, a empresa sediada no Eusébio é a única recicladora de pneus no Ceará, com capacidade para receber 30 toneladas diárias de resíduos.

A série também apresenta a Biocicla, instituição que será a pioneira na reciclagem de gesso no estado, quando iniciar suas operações em junho. Sediada em Caucaia, ela deverá receber mensalmente 1.200 quilos de resíduos descartados pela construção civil.

Ao final, você confere uma entrevista com Mark Augusto Lara Pereira, presidente do Sindiverde. Na conversa, o empresário avalia o momento vivenciado pela reciclagem no Ceará.

Ao longo das matérias, o leitor também poderá entender como se aplica na prática a Política Nacional de Resíduos Sólidos. Instituída pelo Governo Federal em 2010, a medida prevê um conjunto de ações que viabilizam a coleta e a restituição dos resíduos sólidos ao setor empresarial.

Como é possível notar, num campo tão vasto como o do desenvolvimento sustentável, reciclar e inovar são verbos que podem ser conjugados juntos.

*A reportagem foi realizada sob supervisão e edição do coordenador do Tribuna do Ceará, Rafael Luís Azevedo.

Confira as reportagens da série “Ceará Recicla”:

1 – Empresas lançam iniciativas inovadoras na reciclagem no estado
2 – Única recicladora de pneus do Ceará retira de circulação material que demora 600 anos para se decompor
3 – Pioneira na reciclagem de gesso no Ceará busca destino correto a materiais descartados por construtoras
4 – “O que uns chamam de lixo pode ser matéria prima para outros”, constata especialista

Publicidade

Dê sua opinião

BONS EXEMPLOS

#CearáRecicla: Empresas lançam iniciativas inovadoras na reciclagem no estado

Pneus, gesso ou brinquedos: quase tudo pode ser reciclado, e nessas três áreas empreendedores do estado descobriram um filão de mercado e ainda contribuem com um mundo mais sustentável. É o que mostra a série de reportagens “Ceará Recicla”

Por Tribuna do Ceará em Negócios

11 de maio de 2019 às 07:01

Há 5 meses

Por William Barros

Empresas cearenses de reciclagem transformam plástico em brinquedos. (FOTO: Agência Brasília)

No Ceará, têm nascido iniciativas inovadoras quando o assunto é reciclar. O Sindicato das Empresas de Reciclagem de Resíduos Sólidos Domésticos e Industriais do Estado (Sindiverde) possui o registro de 76 projetos deste tipo. Alguns deles, inclusive, atuam de forma pioneira em setores da reciclagem.

Para entender os impactos deste movimento, o Tribuna do Ceará publica neste sábado (11), em quatro links, a série de reportagens “Ceará Recicla”. Além de apresentar o trabalho desenvolvido por instituições do segmento da reciclagem, as matérias abordam o papel do Sindiverde no incentivo à adoção de medidas sustentáveis.

A organização sindical foi fundada em 1998. Dentre seus associados, há recicladoras, usinas de aterramento, incineradoras, consultoras ambientais e transformadoras.

Na indústria de reciclagem, o material descartado pode receber as mais diversas destinações. Madeira pode virar um móvel decorativo de pallet, pneus triturados podem servir para a fabricação de cimento e pedaços de plástico podem virar brinquedos. Deste universo de possibilidades, a série “Ceará Recicla” destaca duas.

Em um dos textos, você conhece o trabalho realizado pela Reciplanet. Atuando desde 2016, a empresa sediada no Eusébio é a única recicladora de pneus no Ceará, com capacidade para receber 30 toneladas diárias de resíduos.

A série também apresenta a Biocicla, instituição que será a pioneira na reciclagem de gesso no estado, quando iniciar suas operações em junho. Sediada em Caucaia, ela deverá receber mensalmente 1.200 quilos de resíduos descartados pela construção civil.

Ao final, você confere uma entrevista com Mark Augusto Lara Pereira, presidente do Sindiverde. Na conversa, o empresário avalia o momento vivenciado pela reciclagem no Ceará.

Ao longo das matérias, o leitor também poderá entender como se aplica na prática a Política Nacional de Resíduos Sólidos. Instituída pelo Governo Federal em 2010, a medida prevê um conjunto de ações que viabilizam a coleta e a restituição dos resíduos sólidos ao setor empresarial.

Como é possível notar, num campo tão vasto como o do desenvolvimento sustentável, reciclar e inovar são verbos que podem ser conjugados juntos.

*A reportagem foi realizada sob supervisão e edição do coordenador do Tribuna do Ceará, Rafael Luís Azevedo.

Confira as reportagens da série “Ceará Recicla”:

1 – Empresas lançam iniciativas inovadoras na reciclagem no estado
2 – Única recicladora de pneus do Ceará retira de circulação material que demora 600 anos para se decompor
3 – Pioneira na reciclagem de gesso no Ceará busca destino correto a materiais descartados por construtoras
4 – “O que uns chamam de lixo pode ser matéria prima para outros”, constata especialista