Venda de veículos seminovos cai em setembro e tem pior resultado dos últimos 10 anos

QUEDA

Venda de veículos seminovos cai em setembro e tem pior resultado dos últimos 10 anos

Em 2016, a venda de seminovos cresceu, e o setor seguiu na contramão da crise. Porém, no mês de setembro, o quadro mudou

Por Tribuna Bandnews FM em Negócios

18 de outubro de 2016 às 06:30

Há 3 anos
s3://jgdprod us/wp content/uploads/sites/2/2016/10/carros

É possível encontrar veículos com valores bem mais em conta se forem semi novos (FOTO:Flickr/ Creative Commons/ Agência Brasília)

Em momentos de crise econômica, muita gente tem optado por investir em carros seminovos, seja para comprar ou trocar. Segundo o Sindicato de Revenda de Veículos Usados (Sindivel), essa é uma boa ideia, já que é possível encontrar veículos com valores bem mais em conta.

O químico industrial Alberto Neto vai trocar de carro e agora pretende encontrar um semi novo. Para ele, o custo-benefício é determinante na hora da escolha de um usado.  “A depreciação de um carro usado no primeiro ano é muito alta e, no semi novo, encontrando de qualidade, essa depreciação já foi paga pelo antigo proprietário”, afirma Alberto em entrevista à Tribuna Bandnews FM.

Em 2016, a venda de seminovos cresceu, e o setor seguiu na contramão da crise. Só em agosto foram 19 mil transferências realizadas. Mas, em setembro, segundo Everton Fernandes, presidente do Sindivel, a situação não foi tão boa e esse número caiu 13 % no Ceará.

Segundo dados da Fenabrave, entidade que representa as concessionárias de veículos, mostram que houve queda em todo Brasil. Em setembro, a venda de carro zero quilômetro caiu 13% se comparado com agosto. Na comparação com o mesmo período do ano passado, a queda foi muito maior: 20%. O resultado fez desse mês de setembro o pior dos últimos 10 anos.

Confira a reportagem de Elon Nepomuceno, da Tribuna Bandnews FM:

Publicidade

Dê sua opinião

QUEDA

Venda de veículos seminovos cai em setembro e tem pior resultado dos últimos 10 anos

Em 2016, a venda de seminovos cresceu, e o setor seguiu na contramão da crise. Porém, no mês de setembro, o quadro mudou

Por Tribuna Bandnews FM em Negócios

18 de outubro de 2016 às 06:30

Há 3 anos
s3://jgdprod us/wp content/uploads/sites/2/2016/10/carros

É possível encontrar veículos com valores bem mais em conta se forem semi novos (FOTO:Flickr/ Creative Commons/ Agência Brasília)

Em momentos de crise econômica, muita gente tem optado por investir em carros seminovos, seja para comprar ou trocar. Segundo o Sindicato de Revenda de Veículos Usados (Sindivel), essa é uma boa ideia, já que é possível encontrar veículos com valores bem mais em conta.

O químico industrial Alberto Neto vai trocar de carro e agora pretende encontrar um semi novo. Para ele, o custo-benefício é determinante na hora da escolha de um usado.  “A depreciação de um carro usado no primeiro ano é muito alta e, no semi novo, encontrando de qualidade, essa depreciação já foi paga pelo antigo proprietário”, afirma Alberto em entrevista à Tribuna Bandnews FM.

Em 2016, a venda de seminovos cresceu, e o setor seguiu na contramão da crise. Só em agosto foram 19 mil transferências realizadas. Mas, em setembro, segundo Everton Fernandes, presidente do Sindivel, a situação não foi tão boa e esse número caiu 13 % no Ceará.

Segundo dados da Fenabrave, entidade que representa as concessionárias de veículos, mostram que houve queda em todo Brasil. Em setembro, a venda de carro zero quilômetro caiu 13% se comparado com agosto. Na comparação com o mesmo período do ano passado, a queda foi muito maior: 20%. O resultado fez desse mês de setembro o pior dos últimos 10 anos.

Confira a reportagem de Elon Nepomuceno, da Tribuna Bandnews FM: