Cruz: seis homens são presos quando se preparavam para vingar um homicídio - Noticias


Cruz: seis homens são presos quando se preparavam para vingar um homicídio

Eles pretendia matar o homem conhecido por Lino, suposto autor do crime que motivou o desejo de vingança

Por Tribuna do Ceará em Polícia

24 de janeiro de 2011 às 10:06

Há 10 anos

Atualizado às 17h58

Policiais militares prenderam seis homens, em Cruz, no Litoral Oeste, que estavam se preparando para vingar um crime de morte. A prisão do grupo foi efetuada na localidade de Preá, neste sábado (22). Todos os acusados portavam armas de fogo e estavam com muita munição.

Os presos são os irmãos Raimundo Michel Gomes da Silva, de 21 anos, e Pedro Santos Gomes da Silva, de 20 anos, além de Renato Rodrigues da Silva, de 22 anos; Edmilson Moreira de Sousa, de 20 anos; Wandenberg Silva dos Santos de 19 anos e o carioca Léo Gomes de Sousa, de 27 anos.

Com os acusados foram apreendidas sete armas de fogo, sendo cinco revólveres calibre 38 e duas pistolas; uma 380 ACP e uma 45 (de uso restrito das forças armadas), além de uma vasta quantidade de munições e dois veículos; uma Hilux de cor prata, placa NNQ 3258 com inscrição do Rio Grande do Norte e uma L-200 de cor verde, placa NHZ 8319 do Ceará.

Leia mais:
Comerciante acusado de homicídio é assassinado a tiros em Senador Pompeu
Jardim: foragido da Justiça é assassinado com duas facadas no pescoço

 De acordo com o depoimento de um dos indiciados, o grupo saiu de Fortaleza na última sexta-feira (21) com o intuito de executar um traficante conhecido por “Façanha” que supostamente seria o mandante do triplo homicídio ocorrido em Jijoca de Jericoacoara, no dia 19 de dezembro do ano passado. Entre as vítimas da chacina, estava Francisco Carlos Gomes da Silva mais conhecido por “Kiko” que seria irmão de Michel e Pedro. Na busca por “Façanha”, o grupo tentou matar um primo do mesmo, identificado por “Lino”, que também é envolvido com o tráfico.

Todos os envolvidos foram autuados em flagrante por tentativa de homicídio, porte ilegal de arma, formação de quadrilha e o artigo 244 do Estatuto da Criança e do Adolescente. Os homens foram trazidos para Fortaleza e continuam sendo investigados pela prática de outros crimes.

Já as armas foram encaminhadas para a perícia e também serão alvo de investigações para que sejam descobertas suas origens.

 

Redação Jangadeiro Online com informações da assessoria de imprensa da Polícia Civil do Ceará

Publicidade

Dê sua opinião

Cruz: seis homens são presos quando se preparavam para vingar um homicídio

Eles pretendia matar o homem conhecido por Lino, suposto autor do crime que motivou o desejo de vingança

Por Tribuna do Ceará em Polícia

24 de janeiro de 2011 às 10:06

Há 10 anos

Atualizado às 17h58

Policiais militares prenderam seis homens, em Cruz, no Litoral Oeste, que estavam se preparando para vingar um crime de morte. A prisão do grupo foi efetuada na localidade de Preá, neste sábado (22). Todos os acusados portavam armas de fogo e estavam com muita munição.

Os presos são os irmãos Raimundo Michel Gomes da Silva, de 21 anos, e Pedro Santos Gomes da Silva, de 20 anos, além de Renato Rodrigues da Silva, de 22 anos; Edmilson Moreira de Sousa, de 20 anos; Wandenberg Silva dos Santos de 19 anos e o carioca Léo Gomes de Sousa, de 27 anos.

Com os acusados foram apreendidas sete armas de fogo, sendo cinco revólveres calibre 38 e duas pistolas; uma 380 ACP e uma 45 (de uso restrito das forças armadas), além de uma vasta quantidade de munições e dois veículos; uma Hilux de cor prata, placa NNQ 3258 com inscrição do Rio Grande do Norte e uma L-200 de cor verde, placa NHZ 8319 do Ceará.

Leia mais:
Comerciante acusado de homicídio é assassinado a tiros em Senador Pompeu
Jardim: foragido da Justiça é assassinado com duas facadas no pescoço

 De acordo com o depoimento de um dos indiciados, o grupo saiu de Fortaleza na última sexta-feira (21) com o intuito de executar um traficante conhecido por “Façanha” que supostamente seria o mandante do triplo homicídio ocorrido em Jijoca de Jericoacoara, no dia 19 de dezembro do ano passado. Entre as vítimas da chacina, estava Francisco Carlos Gomes da Silva mais conhecido por “Kiko” que seria irmão de Michel e Pedro. Na busca por “Façanha”, o grupo tentou matar um primo do mesmo, identificado por “Lino”, que também é envolvido com o tráfico.

Todos os envolvidos foram autuados em flagrante por tentativa de homicídio, porte ilegal de arma, formação de quadrilha e o artigo 244 do Estatuto da Criança e do Adolescente. Os homens foram trazidos para Fortaleza e continuam sendo investigados pela prática de outros crimes.

Já as armas foram encaminhadas para a perícia e também serão alvo de investigações para que sejam descobertas suas origens.

 

Redação Jangadeiro Online com informações da assessoria de imprensa da Polícia Civil do Ceará