Tiroteio deixa cinco feridos em comunidade de Fortaleza


Tiroteio deixa cinco feridos em comunidade de Fortaleza

Uma tentativa de chacina deixou cinco pessoas baleadas na noite deste domingo (12), na Comunidade Oitão Preto, próximo à Avenida Leste-Oeste, bairro Moura Brasil, em Fortaleza.

Por Rodrigo Cavalcante em Polícia

13 de agosto de 2012 às 07:31

Há 8 anos

Uma tentativa de chacina deixou cinco pessoas baleadas na noite deste domingo (12), na Comunidade Oitão Preto, próximo à Avenida Leste-Oeste, bairro Moura Brasil, em Fortaleza.

De acordo com testemunhas, três homens chegaram à rua Senador Jaguaribe e efetuaram diversos disparos contra as pessoas que estavam em frente a uma residência.

Vítimas

Jhonatan Alves Ferreira, de 36 anos, foi atingido na barriga. Jamisson Costa, de 25 anos, foi atingido por um tiro de raspão na cabeça. Maria Caroline Soares, de 17 anos, levou um tiro no braço. Daniel Soares da Silva, de 26 anos, e Fabíola Ribeiro Pereira, de 15 anos, foram atingidos com um tiro no ombro. Todos foram encaminhados ao Instituto Dr. José Frota (IJF).

Policiais da Ronda de Ações Extensivas e Ostensivas (Raio) realizaram a prisão de Jonas Alves Ferreira, conhecido como “Mongol”, de 30 anos. Com ele, foi apreendido um revólver calibre 38 e um celular.

Após interceptação telefônica, os policiais chegaram à rua Padre Mororó, no bairro Jacarecanga, local onde os homens iriam se encontrar para combinar a vingança. Os policiais efetuaram a prisão de Joatan Alves de Ferreira, de 31 anos, que foi encaminhado ao 34° Distrito Policial, e capturaram dois menores. No local, também foi apreendido um revólver calibre 38.

Motivação

A polícia acredita que o crime tenha sido motivado por briga entre as gangues das comunidades do Oitão Preto e do Morro do Moinho, localizada atrás da sede da Perícia Forense do Estado do Ceará (Pefoce), na Avenida Leste-Oeste.

Publicidade

Dê sua opinião

Tiroteio deixa cinco feridos em comunidade de Fortaleza

Uma tentativa de chacina deixou cinco pessoas baleadas na noite deste domingo (12), na Comunidade Oitão Preto, próximo à Avenida Leste-Oeste, bairro Moura Brasil, em Fortaleza.

Por Rodrigo Cavalcante em Polícia

13 de agosto de 2012 às 07:31

Há 8 anos

Uma tentativa de chacina deixou cinco pessoas baleadas na noite deste domingo (12), na Comunidade Oitão Preto, próximo à Avenida Leste-Oeste, bairro Moura Brasil, em Fortaleza.

De acordo com testemunhas, três homens chegaram à rua Senador Jaguaribe e efetuaram diversos disparos contra as pessoas que estavam em frente a uma residência.

Vítimas

Jhonatan Alves Ferreira, de 36 anos, foi atingido na barriga. Jamisson Costa, de 25 anos, foi atingido por um tiro de raspão na cabeça. Maria Caroline Soares, de 17 anos, levou um tiro no braço. Daniel Soares da Silva, de 26 anos, e Fabíola Ribeiro Pereira, de 15 anos, foram atingidos com um tiro no ombro. Todos foram encaminhados ao Instituto Dr. José Frota (IJF).

Policiais da Ronda de Ações Extensivas e Ostensivas (Raio) realizaram a prisão de Jonas Alves Ferreira, conhecido como “Mongol”, de 30 anos. Com ele, foi apreendido um revólver calibre 38 e um celular.

Após interceptação telefônica, os policiais chegaram à rua Padre Mororó, no bairro Jacarecanga, local onde os homens iriam se encontrar para combinar a vingança. Os policiais efetuaram a prisão de Joatan Alves de Ferreira, de 31 anos, que foi encaminhado ao 34° Distrito Policial, e capturaram dois menores. No local, também foi apreendido um revólver calibre 38.

Motivação

A polícia acredita que o crime tenha sido motivado por briga entre as gangues das comunidades do Oitão Preto e do Morro do Moinho, localizada atrás da sede da Perícia Forense do Estado do Ceará (Pefoce), na Avenida Leste-Oeste.