Implantação do Sistema Estadual de Documentação é debatida na AL - Noticias


Implantação do Sistema Estadual de Documentação é debatida na AL

A Assembleia Legislativa debateu na última quarta-feira (7), a implementação da Lei que cria o Sistema Estadual de Documentação e Arquivo

Por Tribuna do Ceará em Política

8 de dezembro de 2011 às 13:31

Há 8 anos

A Assembleia Legislativa debateu na última quarta-feira (7) a implementação da Lei que cria o Sistema Estadual de Documentação e Arquivo. A Comissão de Educação, em parceria com a Comissão de Cultura e Esporte da Assembleia Legislativa e com a Associação Nacional de História – Seção Ceará, realizou audiência pública.

A deputada Rachel Marques (PT), presidente da Comissão de Educação, autora do requerimento que originou a audiência, defendeu a implementação das conquistas vindas com o Sistema Estadual de Documentação e Arquivos. Ela disse esperar a efetivação do que está em lei, buscando “garantir o direito do cidadão cearense de ter acesso à memória e incentivando a produção cultural e científica”, ressaltou.

O presidente da Associação Nacional de História – Seção Ceará (Anpuh), Altemar da Costa Muniz, destacou o papel do órgão na luta e preservação dos arquivos e do patrimônio que esteja relacionado com a história do Ceará, e a defesa da entidade na formação de historiadores. Para ele, o principal objetivo é oferecer ao cidadão comum o acesso à sua memória e a sua história.

Leia mais:
Fórum de Educação Infantil debate Carta de Princípios na AL

Com informações da Assembleia Legislativa

Publicidade

Dê sua opinião

Implantação do Sistema Estadual de Documentação é debatida na AL

A Assembleia Legislativa debateu na última quarta-feira (7), a implementação da Lei que cria o Sistema Estadual de Documentação e Arquivo

Por Tribuna do Ceará em Política

8 de dezembro de 2011 às 13:31

Há 8 anos

A Assembleia Legislativa debateu na última quarta-feira (7) a implementação da Lei que cria o Sistema Estadual de Documentação e Arquivo. A Comissão de Educação, em parceria com a Comissão de Cultura e Esporte da Assembleia Legislativa e com a Associação Nacional de História – Seção Ceará, realizou audiência pública.

A deputada Rachel Marques (PT), presidente da Comissão de Educação, autora do requerimento que originou a audiência, defendeu a implementação das conquistas vindas com o Sistema Estadual de Documentação e Arquivos. Ela disse esperar a efetivação do que está em lei, buscando “garantir o direito do cidadão cearense de ter acesso à memória e incentivando a produção cultural e científica”, ressaltou.

O presidente da Associação Nacional de História – Seção Ceará (Anpuh), Altemar da Costa Muniz, destacou o papel do órgão na luta e preservação dos arquivos e do patrimônio que esteja relacionado com a história do Ceará, e a defesa da entidade na formação de historiadores. Para ele, o principal objetivo é oferecer ao cidadão comum o acesso à sua memória e a sua história.

Leia mais:
Fórum de Educação Infantil debate Carta de Princípios na AL

Com informações da Assembleia Legislativa