Agente da Força Nacional ferido em assalto em Fortaleza passa bem após cirurgia

PRAIA DO FUTURO

Agente da Força Nacional ferido em assalto em Fortaleza passa bem após cirurgia

Antônio Silso, de 45 anos, foi abordado por três assaltantes, quando corria com amigo no calçadão da Praia do Futuro

Por Matheus Ribeiro em Segurança Pública

30 de maio de 2016 às 09:00

Há 4 anos
Tropa, com 120 homens, deve permanecer no estado por 15 dias, podendo ser prorrogado em caso de necessidade (FOTO: Dorian Girão)

Tropa, com 120 homens, deve permanecer no estado por 15 dias, podendo ser prorrogado em caso de necessidade (FOTO: Dorian Girão)

O agente da Força Nacional de Segurança Antônio Silso Pereira Ramos, de 45 anos, ferido após um golpe de faca ao reagir a um assalto em Fortaleza, passou por uma pequena cirurgia e foi liberado ainda na tarde deste domingo (29). De acordo com a delegada plantonista do 9º Distrito Policial, Malake de Santana, o agente estava de folga e corria no calçadão da orla com um amigo policial, quando foi abordado pelos criminosos. Apesar do acontecimento, a Polícia ainda trabalha para localizar os três suspeitos de assaltarem o agente.

Segundo a delegada, o policial militar buscou atendimento em diversas unidades hospitalares de Fortaleza. “Ele primeiro foi à UPA da Praia do Futuro, mas não foi atendido por ausência de cirurgião de plantão. Posteriormente ele foi encaminhado ao Hospital Geral de Fortaleza (HGF), mas também não havia médico. Então ele foi ao Instituto Doutor José Frota (IJF) para ter um tratamento médico adequado”, informou. 

Procurada pela Rádio Tribuna BandNews FM, a assessoria de imprensa do Hospital Geral de Fortaleza informou que, no momento da chegada do agente ao HGF, todos os cirurgiões estavam em atendimento. Por isso, ele não recebeu os procedimentos necessários. Já assessoria da UPA da Praia do Futuro ainda apura o caso.

Após o ocorrido, o porta-voz da Polícia Militar, Tenente Coronel Andrade Mendonça, informou que o policial passa bem e foi liberado pelo IJF ainda neste domingo.

Assalto

Por volta das 11h30 deste domingo (29), Antônio Silso foi abordado por três assaltantes. Após anunciarem o assalto, Antônio foi obrigado a passar celular, carteira e a sua aliança. No entanto, no momento em que passava a joia, o militar reagiu e entrou em luta corporal com o assaltante. Após alguns instantes, o praça sofreu um corte profundo na mão. O militar chegou a Fortaleza na última quinta-feira (26).

Os militares vieram a Fortaleza a pedido do governador Camilo Santana (PT) para reforçar a segurança nos presídios cearenses. Mesmo assim, dois detentos fugiram do Centro de Triagem de Caucaia, próximo ao presídio do Carrapicho. Segundo a Secretaria da Justiça, as buscas continuam.

Publicidade

Dê sua opinião

PRAIA DO FUTURO

Agente da Força Nacional ferido em assalto em Fortaleza passa bem após cirurgia

Antônio Silso, de 45 anos, foi abordado por três assaltantes, quando corria com amigo no calçadão da Praia do Futuro

Por Matheus Ribeiro em Segurança Pública

30 de maio de 2016 às 09:00

Há 4 anos
Tropa, com 120 homens, deve permanecer no estado por 15 dias, podendo ser prorrogado em caso de necessidade (FOTO: Dorian Girão)

Tropa, com 120 homens, deve permanecer no estado por 15 dias, podendo ser prorrogado em caso de necessidade (FOTO: Dorian Girão)

O agente da Força Nacional de Segurança Antônio Silso Pereira Ramos, de 45 anos, ferido após um golpe de faca ao reagir a um assalto em Fortaleza, passou por uma pequena cirurgia e foi liberado ainda na tarde deste domingo (29). De acordo com a delegada plantonista do 9º Distrito Policial, Malake de Santana, o agente estava de folga e corria no calçadão da orla com um amigo policial, quando foi abordado pelos criminosos. Apesar do acontecimento, a Polícia ainda trabalha para localizar os três suspeitos de assaltarem o agente.

Segundo a delegada, o policial militar buscou atendimento em diversas unidades hospitalares de Fortaleza. “Ele primeiro foi à UPA da Praia do Futuro, mas não foi atendido por ausência de cirurgião de plantão. Posteriormente ele foi encaminhado ao Hospital Geral de Fortaleza (HGF), mas também não havia médico. Então ele foi ao Instituto Doutor José Frota (IJF) para ter um tratamento médico adequado”, informou. 

Procurada pela Rádio Tribuna BandNews FM, a assessoria de imprensa do Hospital Geral de Fortaleza informou que, no momento da chegada do agente ao HGF, todos os cirurgiões estavam em atendimento. Por isso, ele não recebeu os procedimentos necessários. Já assessoria da UPA da Praia do Futuro ainda apura o caso.

Após o ocorrido, o porta-voz da Polícia Militar, Tenente Coronel Andrade Mendonça, informou que o policial passa bem e foi liberado pelo IJF ainda neste domingo.

Assalto

Por volta das 11h30 deste domingo (29), Antônio Silso foi abordado por três assaltantes. Após anunciarem o assalto, Antônio foi obrigado a passar celular, carteira e a sua aliança. No entanto, no momento em que passava a joia, o militar reagiu e entrou em luta corporal com o assaltante. Após alguns instantes, o praça sofreu um corte profundo na mão. O militar chegou a Fortaleza na última quinta-feira (26).

Os militares vieram a Fortaleza a pedido do governador Camilo Santana (PT) para reforçar a segurança nos presídios cearenses. Mesmo assim, dois detentos fugiram do Centro de Triagem de Caucaia, próximo ao presídio do Carrapicho. Segundo a Secretaria da Justiça, as buscas continuam.