"Clara reação dos bandidos ao forte enfrentamento ao crime organizado", diz Camilo Santana sobre ataques

ATAQUES NO CEARÁ

“Clara reação dos bandidos ao forte enfrentamento ao crime organizado”, diz Camilo Santana sobre ataques

O governador do Ceará, Camilo Santana, se manifestou nesta segunda-feira (23) por uma rede social sobre os ataques ocorridos no estado

Por Tribuna do Ceará em Segurança Pública

23 de setembro de 2019 às 18:11

Há 2 meses
Camilo se pronunciou sobre ataques no Ceará

Camilo se pronunciou sobre ataques no Ceará (FOTO: Arquivo Tribuna do Ceará)

O governador do Ceará, Camilo Santana, se manifestou nesta segunda-feira (23) por uma rede social sobre os ataques ocorridos no estado. Segundo ele, esses crimes são uma reação às medidas de enfrentamento ao crime.

Além disso, disse sua determinação às autoridades de segurança foi de “endurecer ainda mais contra o crime, agindo com firmeza e dentro da lei”. Camilo diz ainda que serão reforçadas as equipes de segurança nas ruas e finaliza dizendo que o governo será cada vez mais rigoroso com quem desrespeitar a lei e que a possibilidade de retorno das regalias nos presídios é zero.

Ataques criminosos chegam ao quarto dia no Ceará. Desde a última sexta-feira (20) até as 17h45 desta segunda-feira (23), foram registrados 14 ataques, em quatro municípios, sendo oito em Fortaleza, a cidade que concentra a maioria das ocorrências.

Confira o depoimento do governador na íntegra:

Reuni a nossa cúpula da Segurança Pública para tratar desses atos criminosos que foram registrados nas últimas horas no Ceará. Trata-se de uma clara reação dos bandidos ao forte enfrentamento ao crime organizado que temos feito, dentro e fora das prisões cearenses, cortando comunicação, isolando e transferindo chefes criminosos, punindo de forma rigorosa atos de indisciplina e acabando com todo e qualquer tipo de regalia nos presídios. Minha determinação aos comandos foi de endurecer ainda mais contra o crime, agindo com firmeza e dentro da lei. Reforçaremos as equipes nas ruas e intensificaremos ainda mais as operações. Não recuaremos em absolutamente nada nas medidas que foram tomadas até aqui. Muito pelo contrário, seremos cada vez mais rigorosos com quem desrespeitar a lei. A possibilidade do retorno às regalias nos presídios é zero.

BALANÇO DOS ATAQUES NO CEARÁ

(Dados até 19h de 23/9)

Ataques por município:

1 – Fortaleza – 13
2 – Quixadá – 2
3 – Quixeramobim – 1
4 – Maracanaú – 1
TOTAL: 17

Ataques confirmados:

20 DE SETEMBRO

1 – Caminhão roubado em Quixadá e parcialmente incendiado em Quixeramobim

21 DE SETEMBRO

2 – Caminhão é incendiado no bairro Cidade 2000, em Fortaleza.

22 DE SETEMBRO

3 – Dois caminhões estacionados são incendiados no km 14 da BR-116, no bairro Messejana, em Fortaleza.

4 – Três bandidos tentam incendiar bomba de gasolina em posto de combustíveis no bairro São João, em Quixadá.

5 – Caminhão carregado com papel higiênico, estacionado no Distrito Industrial I, em Maracanaú, é incendiado por bandidos. O motorista, que dormia no veículo, é salvo por gritos de vigilantes.

6 – Carro é incendiado no bairro Vicente Pinzón, em Fortaleza.

7 – Carro é incendiado no bairro Caça e Pesca, em Fortaleza.

8 – Veículo da Enel é incendiado em Quixadá.

23 DE SETEMBRO

9 – Ônibus é incendiado na Alameda das Palmeiras, no bairro Ancuri, em Fortaleza.

10 – Ônibus é incendiado no bairro Aracapé, em Fortaleza.

11 – Veículo da Enel é incendiado no bairro Conjunto Esperança, em Fortaleza.

12 – Veículo da Enel é incendiado no bairro Conjunto Palmeiras, em Fortaleza.

13 – Ônibus é incendiado no bairro José Walter, em Fortaleza.

14 – Ônibus é incendiado no bairro Canindezinho, em Fortaleza.

15 – Carro da Cagece incendiado no Parque Santa Rosa, em Fortaleza.

16 – Carro manutenção de internet incendiado no Planalto Airton Senna, em Fortaleza.

17 – Microônibus (topique) incendiado no Jangurussu, em Fortaleza.

Equipamentos atacados:

Caminhões – 5
Veículo da Enel – 3
Veículo da Cagece – 1
Ônibus – 4
Vans – 1
Carros particulares – 3
Posto de combustíveis – 1

FONTE: Sistema Jangadeiro.

 

Publicidade

Dê sua opinião

ATAQUES NO CEARÁ

“Clara reação dos bandidos ao forte enfrentamento ao crime organizado”, diz Camilo Santana sobre ataques

O governador do Ceará, Camilo Santana, se manifestou nesta segunda-feira (23) por uma rede social sobre os ataques ocorridos no estado

Por Tribuna do Ceará em Segurança Pública

23 de setembro de 2019 às 18:11

Há 2 meses
Camilo se pronunciou sobre ataques no Ceará

Camilo se pronunciou sobre ataques no Ceará (FOTO: Arquivo Tribuna do Ceará)

O governador do Ceará, Camilo Santana, se manifestou nesta segunda-feira (23) por uma rede social sobre os ataques ocorridos no estado. Segundo ele, esses crimes são uma reação às medidas de enfrentamento ao crime.

Além disso, disse sua determinação às autoridades de segurança foi de “endurecer ainda mais contra o crime, agindo com firmeza e dentro da lei”. Camilo diz ainda que serão reforçadas as equipes de segurança nas ruas e finaliza dizendo que o governo será cada vez mais rigoroso com quem desrespeitar a lei e que a possibilidade de retorno das regalias nos presídios é zero.

Ataques criminosos chegam ao quarto dia no Ceará. Desde a última sexta-feira (20) até as 17h45 desta segunda-feira (23), foram registrados 14 ataques, em quatro municípios, sendo oito em Fortaleza, a cidade que concentra a maioria das ocorrências.

Confira o depoimento do governador na íntegra:

Reuni a nossa cúpula da Segurança Pública para tratar desses atos criminosos que foram registrados nas últimas horas no Ceará. Trata-se de uma clara reação dos bandidos ao forte enfrentamento ao crime organizado que temos feito, dentro e fora das prisões cearenses, cortando comunicação, isolando e transferindo chefes criminosos, punindo de forma rigorosa atos de indisciplina e acabando com todo e qualquer tipo de regalia nos presídios. Minha determinação aos comandos foi de endurecer ainda mais contra o crime, agindo com firmeza e dentro da lei. Reforçaremos as equipes nas ruas e intensificaremos ainda mais as operações. Não recuaremos em absolutamente nada nas medidas que foram tomadas até aqui. Muito pelo contrário, seremos cada vez mais rigorosos com quem desrespeitar a lei. A possibilidade do retorno às regalias nos presídios é zero.

BALANÇO DOS ATAQUES NO CEARÁ

(Dados até 19h de 23/9)

Ataques por município:

1 – Fortaleza – 13
2 – Quixadá – 2
3 – Quixeramobim – 1
4 – Maracanaú – 1
TOTAL: 17

Ataques confirmados:

20 DE SETEMBRO

1 – Caminhão roubado em Quixadá e parcialmente incendiado em Quixeramobim

21 DE SETEMBRO

2 – Caminhão é incendiado no bairro Cidade 2000, em Fortaleza.

22 DE SETEMBRO

3 – Dois caminhões estacionados são incendiados no km 14 da BR-116, no bairro Messejana, em Fortaleza.

4 – Três bandidos tentam incendiar bomba de gasolina em posto de combustíveis no bairro São João, em Quixadá.

5 – Caminhão carregado com papel higiênico, estacionado no Distrito Industrial I, em Maracanaú, é incendiado por bandidos. O motorista, que dormia no veículo, é salvo por gritos de vigilantes.

6 – Carro é incendiado no bairro Vicente Pinzón, em Fortaleza.

7 – Carro é incendiado no bairro Caça e Pesca, em Fortaleza.

8 – Veículo da Enel é incendiado em Quixadá.

23 DE SETEMBRO

9 – Ônibus é incendiado na Alameda das Palmeiras, no bairro Ancuri, em Fortaleza.

10 – Ônibus é incendiado no bairro Aracapé, em Fortaleza.

11 – Veículo da Enel é incendiado no bairro Conjunto Esperança, em Fortaleza.

12 – Veículo da Enel é incendiado no bairro Conjunto Palmeiras, em Fortaleza.

13 – Ônibus é incendiado no bairro José Walter, em Fortaleza.

14 – Ônibus é incendiado no bairro Canindezinho, em Fortaleza.

15 – Carro da Cagece incendiado no Parque Santa Rosa, em Fortaleza.

16 – Carro manutenção de internet incendiado no Planalto Airton Senna, em Fortaleza.

17 – Microônibus (topique) incendiado no Jangurussu, em Fortaleza.

Equipamentos atacados:

Caminhões – 5
Veículo da Enel – 3
Veículo da Cagece – 1
Ônibus – 4
Vans – 1
Carros particulares – 3
Posto de combustíveis – 1

FONTE: Sistema Jangadeiro.