"Ela chegou rastejando", conta vizinho que ajudou menina que pulou do 1º andar para fugir de estupro

"MOÇO, ME AJUDA!"

“Ela chegou rastejando”, conta vizinho que ajudou menina que pulou do 1º andar para fugir de estupro

Criança de 10 anos foi socorrida e levada a um hospital. Ela foi liberada e está com a mãe. O pai, de 34 anos, está sendo procurado pela polícia

Por TV Jangadeiro em Segurança Pública

10 de setembro de 2019 às 10:40

Há 2 meses

Menina de 10 anos pulou de prédio para fugir de tentativa de estupro do pai. (FOTO: Reprodução/TV Jangadeiro)

O caso da criança de 10 anos que pulou do 1º andar para fugir da tentativa de estupro do próprio pai, de 34 anos, chocou o Ceará. O caso ocorreu no último domingo (8). A equipe do programa Barra Pesada, da TV Jangadeiro/SBT, retornou ao local nesta segunda-feira (9), no bairro Granja Portugal, em Fortaleza, para conversar com o vizinho, que chamou a polícia ao ouvir os apelos da menina.

A testemunha conta que a criança chegou perto da casa dele rastejando e que o homem alegou que ela teria tido um pesadelo.

O vizinho conta que foi para a área de casa estender uma toalha quando viu a criança pedindo socorro. “Moço, moço, me ajuda! Meu pai quer me estuprar e me matar!”, gritou a menina, conta o homem que a ajudou.

“(A criança) Chegou rastejando. Ela entrou rastejando. Quando ela caiu, não conseguiu se levantar por causa do impacto da hora que ela pulou. Eu estava dentro de casa, ouvi uma pancada só que eu não sabia o que era”, relatou ainda o homem.

Pouco depois o pai desceu do apartamento, abriu o portão. Foi então que o vizinho colocou a criança para dentro da própria casa e conversou com ele para entender o que estava acontecendo. O suspeito contou que a criança havia sonhado e, por isso, pulou do apartamento.  Então, a menina gritou novamente: “Não deixa ele entrar, moço! Não deixa, que ele quer me estuprar e me matar”, relatou.

Sem acreditar na história do pai da menina, o vizinho chamou a polícia. Foi então que o suspeito fugiu. Ele ainda diz que a menina foi encontrada com ferimento leve nos lábios, se queixando de dor nas costas e nas pernas por conta do impacto da queda. O suspeito, ainda de acordo com o vizinho, estava no local há menos de um mês.

A menina foi encaminhada para uma unidade de saúde e já recebeu alta. Ela está com a mãe. A polícia procura o suspeito, que é pai da criança e tem 34 anos. A ocorrência foi registrada na Delegacia de Defesa da Mulher (DDM) e será transferido para a Delegacia de Combate à Exploração da Criança e do Adolescente (DCECA), que investigará o caso.

Confira a reportagem do programa Barra Pesada, da TV Jangadeiro/SBT:

Publicidade

Dê sua opinião

"MOÇO, ME AJUDA!"

“Ela chegou rastejando”, conta vizinho que ajudou menina que pulou do 1º andar para fugir de estupro

Criança de 10 anos foi socorrida e levada a um hospital. Ela foi liberada e está com a mãe. O pai, de 34 anos, está sendo procurado pela polícia

Por TV Jangadeiro em Segurança Pública

10 de setembro de 2019 às 10:40

Há 2 meses

Menina de 10 anos pulou de prédio para fugir de tentativa de estupro do pai. (FOTO: Reprodução/TV Jangadeiro)

O caso da criança de 10 anos que pulou do 1º andar para fugir da tentativa de estupro do próprio pai, de 34 anos, chocou o Ceará. O caso ocorreu no último domingo (8). A equipe do programa Barra Pesada, da TV Jangadeiro/SBT, retornou ao local nesta segunda-feira (9), no bairro Granja Portugal, em Fortaleza, para conversar com o vizinho, que chamou a polícia ao ouvir os apelos da menina.

A testemunha conta que a criança chegou perto da casa dele rastejando e que o homem alegou que ela teria tido um pesadelo.

O vizinho conta que foi para a área de casa estender uma toalha quando viu a criança pedindo socorro. “Moço, moço, me ajuda! Meu pai quer me estuprar e me matar!”, gritou a menina, conta o homem que a ajudou.

“(A criança) Chegou rastejando. Ela entrou rastejando. Quando ela caiu, não conseguiu se levantar por causa do impacto da hora que ela pulou. Eu estava dentro de casa, ouvi uma pancada só que eu não sabia o que era”, relatou ainda o homem.

Pouco depois o pai desceu do apartamento, abriu o portão. Foi então que o vizinho colocou a criança para dentro da própria casa e conversou com ele para entender o que estava acontecendo. O suspeito contou que a criança havia sonhado e, por isso, pulou do apartamento.  Então, a menina gritou novamente: “Não deixa ele entrar, moço! Não deixa, que ele quer me estuprar e me matar”, relatou.

Sem acreditar na história do pai da menina, o vizinho chamou a polícia. Foi então que o suspeito fugiu. Ele ainda diz que a menina foi encontrada com ferimento leve nos lábios, se queixando de dor nas costas e nas pernas por conta do impacto da queda. O suspeito, ainda de acordo com o vizinho, estava no local há menos de um mês.

A menina foi encaminhada para uma unidade de saúde e já recebeu alta. Ela está com a mãe. A polícia procura o suspeito, que é pai da criança e tem 34 anos. A ocorrência foi registrada na Delegacia de Defesa da Mulher (DDM) e será transferido para a Delegacia de Combate à Exploração da Criança e do Adolescente (DCECA), que investigará o caso.

Confira a reportagem do programa Barra Pesada, da TV Jangadeiro/SBT: