Homem é espancado e morto por facção criminosa por roubar o celular de ex-mulher

ORDEM DO CRIME

Homem é espancado e morto por facção criminosa por roubar o celular de ex-mulher

José Airton Cunha de Oliveira, de 31 anos, teria sido morto por cometer crime na área, contrariando ordem da facção que domina a região

Por TV Jangadeiro em Segurança Pública

29 de março de 2019 às 10:14

Há 8 meses
dp

Dois suspeitos foram presos e encaminhados ao 30º DP. (FOTO: Reprodução/TV Jangadeiro)

Um homem morreu após ser espancado por membros de uma facção no bairro Sítio São João, em Fortaleza, nesta quinta-feira (28). José Airton Cunha de Oliveira, de 31 anos, havia roubado o celular da ex-companheira, que denunciou a ação para os criminosos. A vítima foi, então, agredida por pelo menos cinco bandidos.

Ele ainda chegou a ser socorrido, mas morreu no hospital da região. Duas pessoas foram presas e encaminhadas ao 30º DP, responsável pela investigação do caso.

José Airton subtraiu o celular da ex-companheira, Mirtes Maria Ferreira Aguiar, de 45 anos, no conjunto habitacional José Euclides Ferreira Gomes, local dominado por uma facção criminosa. Ela teria comunicado o fato aos líderes do grupo e, sob ordens deles, cinco homens abordaram a vítima e perguntaram se ele realmente havia feito aquilo.

Após confirmar ter roubado o celular de Mirtes, José Airton foi fortemente espancado. Ele chegou a ser socorrido. A agressão teria ocorrido por repressão da facção, que não aceita crimes naquela área. A determinação não era de que ele fosse assassinado, mas as agressões foram tão fortes que a vítima acabou falecendo, segundo a polícia.

Em diligências, Michael Freitas de Souza, 19 anos, foi preso como um dos agressores. Ele já respondia por tráfico de drogas e, em depoimento, confessou ter participado do crime. O suspeito foi autuado por homicídio.

A ex-esposa, Mirtes Maria, também foi conduzida para prestar depoimento e permanece no local. Ela teria denunciado o ex-companheiro aos criminosos. Os dois permanecem na delegacia à disposição da Justiça.

Confira reportagem no programa Barra Pesada, da TV Jangadeiro/SBT, às 12h10 desta sexta-feira (29).

Publicidade

Dê sua opinião

ORDEM DO CRIME

Homem é espancado e morto por facção criminosa por roubar o celular de ex-mulher

José Airton Cunha de Oliveira, de 31 anos, teria sido morto por cometer crime na área, contrariando ordem da facção que domina a região

Por TV Jangadeiro em Segurança Pública

29 de março de 2019 às 10:14

Há 8 meses
dp

Dois suspeitos foram presos e encaminhados ao 30º DP. (FOTO: Reprodução/TV Jangadeiro)

Um homem morreu após ser espancado por membros de uma facção no bairro Sítio São João, em Fortaleza, nesta quinta-feira (28). José Airton Cunha de Oliveira, de 31 anos, havia roubado o celular da ex-companheira, que denunciou a ação para os criminosos. A vítima foi, então, agredida por pelo menos cinco bandidos.

Ele ainda chegou a ser socorrido, mas morreu no hospital da região. Duas pessoas foram presas e encaminhadas ao 30º DP, responsável pela investigação do caso.

José Airton subtraiu o celular da ex-companheira, Mirtes Maria Ferreira Aguiar, de 45 anos, no conjunto habitacional José Euclides Ferreira Gomes, local dominado por uma facção criminosa. Ela teria comunicado o fato aos líderes do grupo e, sob ordens deles, cinco homens abordaram a vítima e perguntaram se ele realmente havia feito aquilo.

Após confirmar ter roubado o celular de Mirtes, José Airton foi fortemente espancado. Ele chegou a ser socorrido. A agressão teria ocorrido por repressão da facção, que não aceita crimes naquela área. A determinação não era de que ele fosse assassinado, mas as agressões foram tão fortes que a vítima acabou falecendo, segundo a polícia.

Em diligências, Michael Freitas de Souza, 19 anos, foi preso como um dos agressores. Ele já respondia por tráfico de drogas e, em depoimento, confessou ter participado do crime. O suspeito foi autuado por homicídio.

A ex-esposa, Mirtes Maria, também foi conduzida para prestar depoimento e permanece no local. Ela teria denunciado o ex-companheiro aos criminosos. Os dois permanecem na delegacia à disposição da Justiça.

Confira reportagem no programa Barra Pesada, da TV Jangadeiro/SBT, às 12h10 desta sexta-feira (29).