Homem que agrediu mulher em briga de trânsito é identificado

POLÍCIA INVESTIGA

Homem que agrediu mulher em briga de trânsito é identificado e levado para a delegacia

Nesta quarta-feira (27), Antônio Marcos Lima foi conduzido ao 15º Distrito Policial, no bairro Cidade 2000, onde o caso foi registrado

Por Tribuna do Ceará em Segurança Pública

27 de novembro de 2019 às 14:58

Há 2 meses
O suspeito é conduzido por um policial à paisana de boné e blusa listrada (FOTO: Reprodução/WhatsApp)

O suspeito é conduzido por um policial à paisana de boné e blusa listrada (FOTO: Reprodução/WhatsApp)

O homem que agrediu a auxiliar de consultório médico, Débora Aline Oliveira, de 27 anos, após uma discussão de trânsito, foi conduzido ao 15º Distrito Policial nesta quarta-feira (27). Por meio de nota, a Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE) informa que a vítima já foi ouvida.

Antônio Marcos Freitas Lima, de 51 anos, agrediu verbal e fisicamente Débora, depois de ela ter reclamado de uma manobra proibida que ele teria realizado.

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), em depoimento, Antônio Marcos disse que agrediu a mulher por reação, depois dela ter lhe ofendido. Na delegacia, ele foi autuado em um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) por injúria e poderá responder também por lesão corporal, após sair os resultados do exame de corpo de delito realizado pela vítima na Perícia Forense do Estado do Ceará (Pefoce).

Segundo a vítima, ele a seguiu até seu local de trabalho, onde desceu do carro e proferiu palavras de baixo calão e cuspiu nela. Além disso, ele também a agrediu com socos. A caso ocorreu nesta terça-feira (26), no bairro Papicu. Toda a ação foi registrada em vídeo e divulgada nas redes sociais.

Ao presenciar a situação, pessoas que estavam no entorno intervieram. O homem retorna ao carro e afirma que Débora é quem teria lhe agredido. Para ela, as intervenções das pessoas lhe salvaram a vida. “Ele ia me dar mais socos, se ninguém tivesse intervindo. Com certeza, ele ia me espancar mais”, relatou.

Confira o vídeo:

Publicidade

Dê sua opinião

POLÍCIA INVESTIGA

Homem que agrediu mulher em briga de trânsito é identificado e levado para a delegacia

Nesta quarta-feira (27), Antônio Marcos Lima foi conduzido ao 15º Distrito Policial, no bairro Cidade 2000, onde o caso foi registrado

Por Tribuna do Ceará em Segurança Pública

27 de novembro de 2019 às 14:58

Há 2 meses
O suspeito é conduzido por um policial à paisana de boné e blusa listrada (FOTO: Reprodução/WhatsApp)

O suspeito é conduzido por um policial à paisana de boné e blusa listrada (FOTO: Reprodução/WhatsApp)

O homem que agrediu a auxiliar de consultório médico, Débora Aline Oliveira, de 27 anos, após uma discussão de trânsito, foi conduzido ao 15º Distrito Policial nesta quarta-feira (27). Por meio de nota, a Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE) informa que a vítima já foi ouvida.

Antônio Marcos Freitas Lima, de 51 anos, agrediu verbal e fisicamente Débora, depois de ela ter reclamado de uma manobra proibida que ele teria realizado.

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), em depoimento, Antônio Marcos disse que agrediu a mulher por reação, depois dela ter lhe ofendido. Na delegacia, ele foi autuado em um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) por injúria e poderá responder também por lesão corporal, após sair os resultados do exame de corpo de delito realizado pela vítima na Perícia Forense do Estado do Ceará (Pefoce).

Segundo a vítima, ele a seguiu até seu local de trabalho, onde desceu do carro e proferiu palavras de baixo calão e cuspiu nela. Além disso, ele também a agrediu com socos. A caso ocorreu nesta terça-feira (26), no bairro Papicu. Toda a ação foi registrada em vídeo e divulgada nas redes sociais.

Ao presenciar a situação, pessoas que estavam no entorno intervieram. O homem retorna ao carro e afirma que Débora é quem teria lhe agredido. Para ela, as intervenções das pessoas lhe salvaram a vida. “Ele ia me dar mais socos, se ninguém tivesse intervindo. Com certeza, ele ia me espancar mais”, relatou.

Confira o vídeo: