Prejuízo de ataques a ônibus ainda não foi reparado, diz Sindiônibus

"ACÚMULO DE PREJUÍZO"

Prejuízo de ataques a ônibus no início do ano ainda não foi reparado, diz Sindiônibus

Em janeiro desse ano, mais de 40 ônibus foram atacados durante a série de ações criminosas. No 6º dia da nova onda de ataques, o Sindiônibus já contabiliza danos em 12 veículos

Por TV Jangadeiro em Segurança Pública

25 de setembro de 2019 às 17:39

Há 3 meses
Até o momento, o Sindiônibus registra 12 ataques a ônibus em seis dias (FOTO: Reprodução/TV Jangadeiro)

Até o momento, o Sindiônibus registra 12 ataques a ônibus em seis dias (FOTO: Reprodução/TV Jangadeiro)

No 6º dia de ataques da segunda maior onda de violência no Estado, a população tem sofrido com a redução da frota de coletivos circulando em Fortaleza (75%).

Até o momento, o Sindiônibus contabiliza danos em 12 veículos, alguns tiveram apenas perdas parciais. O diretor de operações da entidade, João Luís Maciel, salienta um momento difícil para as empresas do setor, já que ainda não houve reparação total dos prejuízos dos veículos atacados na série de atentados do começo do ano.

“Ainda não, porque nosso setor vive um momento que não é dos melhores, então as empresas nem sequer tinham conseguido repôr os 42 veículos do início do ano. É mais um acúmulo de prejuízo”.

Apesar da previsão de retomar a operação total da frota na quarta-feira (25), a medida foi descartada por conta de dois atentados registrados na noite de terça.

Desvios

O diretor de operações do Sindiônibus garante que todas as linhas de ônibus circulam na capital, embora algumas podem ter redução no itinerário. “Onde aconteceram eventos de carros incendiados está havendo desvios. Não estamos conseguindo entrar no Alameda das Palmeiras, não estamos conseguindo fazer todo o bairro do Canidezinho, nós tivemos carro incendiado no planalto Airton Senna, então não estamos fazendo o itinerário dentro do bairro todo”.

Duzentos e cinquenta homens da polícia reforçam a segurança dos veículos atualmente. Segundo o Sindiônibus, o contingente é suficiente para manter os veículos em circulação. Ainda de acordo com o Sindiônibus, à medida que haja mais segurança para passageiros e trabalhadores, o sistema de transporte coletivo da capital e região metropolitana vai operar normalmente.

Confira matéria de Jackson de Moura para Tribuna BandNews FM: 

Acompanhe a cobertura dos ataques:

25/09 – “Sem mudança de atitude do Governo, situação vai piorar”, diz presidente do Copen

25/9 – Onda de incêndios criminosos de setembro desta vez tem deixado feridos; Já foram 4

25/9 – Mais de 50 pessoas já foram presas por envolvimento em ataques, diz secretário de Segurança

25/9 – Ceará chega ao 6º dia de ataques, com mais incêndios a ônibus e caminhões

25/9 – Nova onda de ataques no Ceará: Veja o número atualizado de ações criminosas

25/9 – Ônibus é incendiado na rodoviária de Várzea Alegre no 6º dia de ataques criminosos

24/9 – Ataques são um ato de desespero dos criminosos, avalia especialista em Segurança Pública

24/9 – Advogado é preso tentando entrar na CPPL com bilhetes de facções criminosas

24/9 – “O Estado não conseguiu desarticular o crime organizado”, avalia presidente do Copen

24/9 – Governo transfere 257 presos de facção criminosa responsável por ataques no Ceará

24/9 – 6 carros são destruídos em ataque a concessionária da Av. Santos Dumont

24/9 – 4 primeiros dias de ataques de setembro representam 21% das ocorrências de janeiro

24/9 – Micro-ônibus é incendiado por bandidos com motorista dentro; Funcionário escapa por pouco

24/9 – Frota de ônibus opera com 70% da capacidade em Fortaleza no 5º dia de ataques

24/9 – Nova onda de ataques no Ceará chega ao 5º dia, com mais incêndios criminosos

23/9 – Ceará registra 17 ataques em quatro dias; 13 só em Fortaleza

23/9 – Polícia prende 7 suspeitos de ataques e outros 5 são identificados

23/9 – “Clara reação dos bandidos ao forte enfrentamento ao crime organizado”, diz Camilo Santana sobre ataques

23/9 – Ceará chega ao 4° dia de ataques, com mais veículos incendiados em Fortaleza

23/9 – Motorista que teve caminhão incendiado por bandidos foi salvo por vigilantes que gritaram “fogo”

23/9 – Bandidos fazem 4 ataques criminosos a veículos e posto de combustíveis no fim de semana

Publicidade

Dê sua opinião

"ACÚMULO DE PREJUÍZO"

Prejuízo de ataques a ônibus no início do ano ainda não foi reparado, diz Sindiônibus

Em janeiro desse ano, mais de 40 ônibus foram atacados durante a série de ações criminosas. No 6º dia da nova onda de ataques, o Sindiônibus já contabiliza danos em 12 veículos

Por TV Jangadeiro em Segurança Pública

25 de setembro de 2019 às 17:39

Há 3 meses
Até o momento, o Sindiônibus registra 12 ataques a ônibus em seis dias (FOTO: Reprodução/TV Jangadeiro)

Até o momento, o Sindiônibus registra 12 ataques a ônibus em seis dias (FOTO: Reprodução/TV Jangadeiro)

No 6º dia de ataques da segunda maior onda de violência no Estado, a população tem sofrido com a redução da frota de coletivos circulando em Fortaleza (75%).

Até o momento, o Sindiônibus contabiliza danos em 12 veículos, alguns tiveram apenas perdas parciais. O diretor de operações da entidade, João Luís Maciel, salienta um momento difícil para as empresas do setor, já que ainda não houve reparação total dos prejuízos dos veículos atacados na série de atentados do começo do ano.

“Ainda não, porque nosso setor vive um momento que não é dos melhores, então as empresas nem sequer tinham conseguido repôr os 42 veículos do início do ano. É mais um acúmulo de prejuízo”.

Apesar da previsão de retomar a operação total da frota na quarta-feira (25), a medida foi descartada por conta de dois atentados registrados na noite de terça.

Desvios

O diretor de operações do Sindiônibus garante que todas as linhas de ônibus circulam na capital, embora algumas podem ter redução no itinerário. “Onde aconteceram eventos de carros incendiados está havendo desvios. Não estamos conseguindo entrar no Alameda das Palmeiras, não estamos conseguindo fazer todo o bairro do Canidezinho, nós tivemos carro incendiado no planalto Airton Senna, então não estamos fazendo o itinerário dentro do bairro todo”.

Duzentos e cinquenta homens da polícia reforçam a segurança dos veículos atualmente. Segundo o Sindiônibus, o contingente é suficiente para manter os veículos em circulação. Ainda de acordo com o Sindiônibus, à medida que haja mais segurança para passageiros e trabalhadores, o sistema de transporte coletivo da capital e região metropolitana vai operar normalmente.

Confira matéria de Jackson de Moura para Tribuna BandNews FM: 

Acompanhe a cobertura dos ataques:

25/09 – “Sem mudança de atitude do Governo, situação vai piorar”, diz presidente do Copen

25/9 – Onda de incêndios criminosos de setembro desta vez tem deixado feridos; Já foram 4

25/9 – Mais de 50 pessoas já foram presas por envolvimento em ataques, diz secretário de Segurança

25/9 – Ceará chega ao 6º dia de ataques, com mais incêndios a ônibus e caminhões

25/9 – Nova onda de ataques no Ceará: Veja o número atualizado de ações criminosas

25/9 – Ônibus é incendiado na rodoviária de Várzea Alegre no 6º dia de ataques criminosos

24/9 – Ataques são um ato de desespero dos criminosos, avalia especialista em Segurança Pública

24/9 – Advogado é preso tentando entrar na CPPL com bilhetes de facções criminosas

24/9 – “O Estado não conseguiu desarticular o crime organizado”, avalia presidente do Copen

24/9 – Governo transfere 257 presos de facção criminosa responsável por ataques no Ceará

24/9 – 6 carros são destruídos em ataque a concessionária da Av. Santos Dumont

24/9 – 4 primeiros dias de ataques de setembro representam 21% das ocorrências de janeiro

24/9 – Micro-ônibus é incendiado por bandidos com motorista dentro; Funcionário escapa por pouco

24/9 – Frota de ônibus opera com 70% da capacidade em Fortaleza no 5º dia de ataques

24/9 – Nova onda de ataques no Ceará chega ao 5º dia, com mais incêndios criminosos

23/9 – Ceará registra 17 ataques em quatro dias; 13 só em Fortaleza

23/9 – Polícia prende 7 suspeitos de ataques e outros 5 são identificados

23/9 – “Clara reação dos bandidos ao forte enfrentamento ao crime organizado”, diz Camilo Santana sobre ataques

23/9 – Ceará chega ao 4° dia de ataques, com mais veículos incendiados em Fortaleza

23/9 – Motorista que teve caminhão incendiado por bandidos foi salvo por vigilantes que gritaram “fogo”

23/9 – Bandidos fazem 4 ataques criminosos a veículos e posto de combustíveis no fim de semana