Rosier Alexandre: "Celebre inclusive as pequenas conquistas"

QUAL O SEU EVEREST?

Rosier Alexandre: “Celebre inclusive as pequenas conquistas”

Celebrar cada momento importante, por mais simples que pareça, é algo gratificante e estimula a construção de mais momentos significativos

Por Tribuna do Ceará em Rosier Alexandre

25 de maio de 2020 às 11:48

Há 1 mês

Na última quinta-feira, fez 4 anos da minha chegada ao cume do Everest. Um evento que vai ficar marcado na minha vida para sempre. Todos os dias eu lembro e agradeço a Deus por ter me permitido sonhar tão alto, ter me orientado com fé a não desistir dos meus sonhos, e ter me dado coragem para enfrentar os desafios que surgiram no caminho.

Tenho muita gratidão por tudo que Deus me permitiu viver. Diariamente peço sabedoria para nunca perder a sensibilidade e não deixar de valorizar cada conquista, seja o Everest ou algo pequeno que possa parecer insignificante, mas que faz parte do grande quebra cabeça da vida.

Agradeço também a cada parceiro que participou de alguma forma do Projeto Sete Cumes. Um sonho que era meu; mas, pela sua importância social, tantos amigos se apropriaram e compartilharam comigo o peso da mochila e as comemorações. Esse compartilhamento deixou a jornada mais suave e viabilizou o projeto em um prazo mais curto mostrando que juntos somos mais fortes.

Celebrar cada momento importante, por mais simples que pareça, é algo gratificante e estimula a construção de mais momentos significativos. Seja na escalada do Everest ou em uma longa caminhada, a construção é feita com um passo após o outro. Uma vida em abundância é construída pelo exercício da gratidão em cada pequena conquista.

Exercitar a gratidão e valorizar pequenos detalhes me levou ao cume do Everest e pode te levar onde você quiser.

Te desejo uma excelente semana com o meu abraço do tamanho do Everest.

Publicidade

Dê sua opinião

QUAL O SEU EVEREST?

Rosier Alexandre: “Celebre inclusive as pequenas conquistas”

Celebrar cada momento importante, por mais simples que pareça, é algo gratificante e estimula a construção de mais momentos significativos

Por Tribuna do Ceará em Rosier Alexandre

25 de maio de 2020 às 11:48

Há 1 mês

Na última quinta-feira, fez 4 anos da minha chegada ao cume do Everest. Um evento que vai ficar marcado na minha vida para sempre. Todos os dias eu lembro e agradeço a Deus por ter me permitido sonhar tão alto, ter me orientado com fé a não desistir dos meus sonhos, e ter me dado coragem para enfrentar os desafios que surgiram no caminho.

Tenho muita gratidão por tudo que Deus me permitiu viver. Diariamente peço sabedoria para nunca perder a sensibilidade e não deixar de valorizar cada conquista, seja o Everest ou algo pequeno que possa parecer insignificante, mas que faz parte do grande quebra cabeça da vida.

Agradeço também a cada parceiro que participou de alguma forma do Projeto Sete Cumes. Um sonho que era meu; mas, pela sua importância social, tantos amigos se apropriaram e compartilharam comigo o peso da mochila e as comemorações. Esse compartilhamento deixou a jornada mais suave e viabilizou o projeto em um prazo mais curto mostrando que juntos somos mais fortes.

Celebrar cada momento importante, por mais simples que pareça, é algo gratificante e estimula a construção de mais momentos significativos. Seja na escalada do Everest ou em uma longa caminhada, a construção é feita com um passo após o outro. Uma vida em abundância é construída pelo exercício da gratidão em cada pequena conquista.

Exercitar a gratidão e valorizar pequenos detalhes me levou ao cume do Everest e pode te levar onde você quiser.

Te desejo uma excelente semana com o meu abraço do tamanho do Everest.